Translate

Compartilhe

https://www.facebook.com/deltan.dallagnol/videos/1384339188276453/

search este blog

  • Futuro Sorriso!

    Simião Célio posta vídeo para música Futuro Sorriso no YouTube

  • Reportando!

    6ª edição do AGORA SOMOS UM

  • Entrevista com Wallas Silva

    "Lutador de Muay Thai""

terça-feira, 30 de abril de 2019

Jair Bolsonaro vai gravar Programa Silvio Santos na quinta-feira

No início da noite desta terça-feira, o SBT recebeu de Brasília a confirmação da presença do presidente Jair Bolsonaro no "Programa Silvio Santos".

A gravação, nesta quinta-feira, dia 2, deverá acontecer entre o final da manhã e começo de tarde. Exibição no domingo.

Este encontro foi combinado entre os dois já há algum tempo. O assunto principal será a Reforma da Previdência. uol

No que depender de nós, Lula não terá chance de liberdade, diz Bolsonaro

Em entrevista hoje ao programa Brasil Urgente, da TV Bandeirantes, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) voltou a criticar gestões petistas e afirmou que, no que depender de seu governo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não sairá da cadeia até terminar de cumprir todo o seu tempo de prisão.

Lula está preso desde abril do ano passado na Superintendência da PF (Polícia Federal) em Curitiba. Ele foi condenado pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex de Guarujá (SP).

Pelo perfil dos nossos ministros, ele (Lula) não terá chance, no que depender de nós, não terá chance de conseguir sua liberdade na forma da lei
Presidente Jair Bolsonaro (PSL)

Segundo Bolsonaro, a prisão "deve ser o lugar dos que, no passado, ousaram assaltar o nosso país".
"Trabalharemos para que a lei seja cumprida, seja respeitada e que ele cumpra até o último dia da prisão."

A declaração do presidente vem depois de Lula tê-lo criticado e afirmado, em entrevista à Folha, que o país é governado por um "bando de maluco". No fim de semana, Bolsonaro rebateu: "pelo menos, não é de cachaceiro".

Hoje, o presidente voltou a criticar a possibilidade de Lula conceder entrevista dentro da cadeia. A permissão foi dada pelo presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Dias Toffoli. "Se eu fosse ministro do Supremo Tribunal Federal, eu jamais permitiria não só o Lula, mas qualquer um condenado a dar entrevista junto à imprensa", disse.

Soltura de Lula não depende de Bolsonaro

Apesar da intenção declarada de Bolsonaro de que Lula não seja solto, ele e seus ministros não têm poderes para tal. A decisão fica com o Judiciário, não com o poder Executivo.

Lula foi condenado no caso do tríplex em julho de 2017 em primeira instância pelo então juiz federal Sergio Moro. Depois, em janeiro de 2018, a pena foi aumentada pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), responsável pelos casos em segunda instância da Lava Jato.

Na semana passada, o STJ (Superior Tribunal de Justiça) manteve a condenação de Lula no caso do tríplex, mas reduziu a pena para 8 anos, 10 meses e 20 dias. A diminuição da pena abriu caminho para que o ex-presidente migre em setembro deste ano para o regime semiaberto - em que o preso dorme na cadeia, mas pode sair durante o dia.

Lula ainda pode recorrer novamente ao STJ e, depois, ao STF (Supremo Tribunal Federal). O ex-presidente ainda pode ser beneficiado caso a corte mais alta do país reveja seu entendimento que permite execução da pena após condenação em segunda instância.

O petista ainda é alvo de outros dois processos na Lava Jato. Em um, referente ao sítio de Atibaia (SP), ele já foi condenado em primeira instância a 12 anos e 11 meses de prisão por corrupção e lavagem. O outro, relacionado a um terreno para o Instituto Lula em São Paulo, está concluso para sentença.Uol

Gêmeas unidas pela cabeça são separadas em cirurgia delicada (vídeo)

Gêmeas unidas pela cabeça são separadas em cirurgia delicada. A operação durou mais de 20 horas e envolveu mais de 50 profissionais. A reportagem é do R7.

Polícia investiga denúncia de crianças dopadas com tranquilizante em creche municipal

A Polícia Civil de Votuporanga (SP) está investigando uma denúncia feita por famílias de que crianças estariam sendo dopadas em uma creche da cidade. Uma criança passou mal, foi levada para o hospital e fez exame toxicológico, que identificou uma substância tranquilizante.

Segundo a polícia, outras cinco crianças da creche foram identificadas com os mesmos sintomas, porém, não chegaram a fazer exames. 

O exame comprovou a ingestão de clonazepam, uma substância tranquilizante que só pode ser usada em crianças com orientação e acompanhamento médico. 

O filho da Keli Nascimento Antoniolo foi quem fez o exame. Segundo a mãe, a criança já foi internada várias vezes na Santa Casa da cidade, uma delas em outubro do ano passado, quando ela tinha 11 meses. 

Nesta ocasião, ela foi internada depois de sair desacordada da creche municipal Valter Peresi. “A escola ligava e eu e meu marido íamos buscar, ele estava abatido, olhar longe, vomitando, às vezes ele desmaiava. De desmaio já foram três ou quatro vezes, mas de ligar para a gente ir buscar era direto”, afirma Keli, que é educadora infantil. 

Segundo a mãe, da última vez que ele foi levado para a Santa Casa foram três dias internado. A mãe procurou a Secretaria de Educação para fazer um relatório de queixa. 

Nele, a diretora da escola acrescentou que, segundo as educadoras que cuidam das crianças, o bebê chegou "bem na escola, alegre, brincando e se alimentou bem no início da manhã". 

No mesmo relatório diz que, durante a tarde, as educadoras perceberam que a criança estava com aspecto mole, de sonolência. O bebê começou a vomitar e desmaiou. A família procurou a polícia e o bebê passou por um exame toxicológico. 

“Para a nossa angústia e desespero, deu positivo, deu no organismo dele que encontraram clonazepam. Estavam dopando o nosso filhinho na creche”, afirma a mãe. 

O laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou, tanto no exame de sangue quanto no de urina, a presença de clonazepam.  

Perigo e investigação

Segundo o pediatra Jorge Haddad, essa substância não pode ser usada sem prescrição, ainda mais em se tratando de crianças. 

“Ela pode ter uma intoxicação leve, dependendo do número de gotas aplicadas, como sonolência, moleza, pode ser moderada, e às vezes grave, levando coma, depressão respiratória e até morte”, diz o médico. 

A Polícia Civil abriu um inquérito e suspeita que este não seja um caso isolado. Cerca de 20 pessoas, entre parentes das crianças e funcionários da escola, já prestaram depoimento na delegacia que investiga o caso. 

O inquérito já conta com mais de 100 páginas e deve ser concluído em um mês. Até agora a polícia já identificou seis crianças, alunos da mesma escola, que apresentaram quadro clínico parecido. 

“O fato é o mesmo, agora com mais vítimas, com horizonte maior, todos serão ouvidos para apurar as consequências dessa atitude em cada uma das crianças”, afirma o delegado Raymundo Cortizo. 

Uma outra mãe, que prefere não se identificar, diz que o filho, aluno da mesma creche, apresentou os mesmos sintomas quando tinha sete meses, assim que começou a frequentar a creche. Ela chegou a levar a criança desacordada para o hospital. 

“Ficou um dia e meio na semi UTI e um dia no quarto. Os médicos fizeram todos os tipos de exame, tomografia, ressonância e ninguém sabia o que tinha acontecido com ele”, afirma.

O que diz a prefeitura

A Prefeitura de Votuporanga disse que nenhum medicamento é administrado nas escolas municipais para as crianças, com exceção daquelas que possuem receita médica e os pais mandam medicação e as instruções, como o horário e a dosagem do remédio. 

Em relação à denúncia, a prefeitura disse que a Secretaria de Educação foi procurada pelos pais de uma criança no final do ano passado e não por várias, como traz o boletim de ocorrência. 

A secretaria relatou o caso à Procuradoria Geral do Município mas, na época, não havia resultado de exames médicos ou qualquer outro material com embasamento legal que determinasse providências administrativas. Mesmo assim, a Secretaria da Educação orientou educadores, técnicos e profissionais das escolas municipais. A secretaria ainda não foi notificada quanto à abertura de inquérito.G1

Brasil é o 6º país mais perigoso do mundo para jornalistas, diz Unesco

Relatório divulgado nesta terça-feira (30) pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) informa que 64 jornalistas, profissionais de imprensa e comunicadores foram mortos no exercício da profissão no Brasil entre 1995 e 2018. O documento Violência Contra Comunicadores no Brasil: um Retrato da Apuração nos Últimos 20 Anos foi elaborado pelo Conselho Nacional do Ministério Público e pela Estratégia Nacional de Justiça e Segurança Pública (Enasp).

“Hoje o Brasil é um dos países mais violentos no que diz respeito ao ambiente de atuação dos comunicadores – nos posicionamos em sexto lugar no ranking de nações mais perigosas para jornalistas, segundo a [Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura] Unesco. Estamos atrás apenas de países em manifesta crise institucional, política e até humanitária, como Síria, Iraque, Paquistão, México e Somália”, diz o relatório. 

De acordo com a Unesco, o Brasil é o sexto país mais perigoso do mundo para os profissionais da comunicação. O relatório ressalta que a situação configura "verdadeira violação à liberdade de expressão". O material também aponta “dificuldades estruturais notórias das Polícias Judiciárias" e diz que "muitos dos autores intelectuais desses crimes não chegam a ser responsabilizados. A autoria por vezes sequer é identificada.”

“Essa situação de inação pode gerar a responsabilização internacional do Estado brasileiro, pela violação de compromissos internacionais voltados a proteção dos Direitos”, indica o relatório.

Mortes

O levantamento mostra que a maior parte das mortes ocorreu em pequenas cidades e envolve jornalistas e comunicadores de pequenos grupos, entre eles blogueiros e radialistas. O documento detalha as mortes e o andamento dos casos em todos os estados – o Rio de Janeiro, com 13 assassinatos; a Bahia, com sete; e o Maranhão, com seis, foram os três estados que mais registraram casos desde 1995. Do total de casos registrados, sete não tiveram solução e outros sete estão sem informações.

“Chama atenção a quantidade de fatos ocorridos no estado do Rio de Janeiro, que lidera como a unidade da federação mais violenta para o trabalho de comunicadores. Além de estar à frente em número absoluto de atos de violência extremada, o estado fluminense foi palco de dois casos simbólicos – os assassinatos de Aristeu Guida e Reinaldo Coutinho”, destaca o documento.

De acordo com o documento, o ano de 2015 representou o ápice da violência contra profissionais de imprensa. “Apesar de os anos seguintes indicarem uma tendência de diminuição da taxa de homicídios contra esses profissionais, o ano de 2018 voltou a apresentar taxas mais altas, quando foram mortos quatro comunicadores no exercício de suas funções”, indica o relatório.

Segundo o estudo, a principal dificuldade para apurar esse tipo de crime é a verificação sobre mandantes e executores. As informações foram levantadas a partir de informações do Ministério das Relações Exteriores, que envia dados sobre o tema à Unesco. agenciabrasil

Abril reitera pedido ao STF para entrevistar esfaqueador de Bolsonaro

A editora Abril retirou pedido ao Supremo Tribunal Federal (STF) para entrevistar Adélio Bispo.
A permissão do STF para que o presidiário Lula da Silva (PT) fosse entrevistado pelos jornais Folha de S. Paulo e El País repercutiu no caso do atentado contra o presidente Jair Bolsonaro.

A editora Abril reiterou nesta segunda-feira (29) ao Supremo um pedido para entrevistar Adélio Bispo de Oliveira, responsável por dar uma facada em Bolsonaro durante comício em Juiz de Fora, interior de Minas Gerais, no dia 6 de setembro de 2018. 

O ministro Gilmar Mendes já negou o pedido uma vez, mas a editora entende que a decisão do presidente da Corte, Dias Toffoli, na semana passada gerou um “importante precedente”.

“Constitui inequívoco ato de censura prévia e afronta aos termos da ADPF 130 [ação na qual foi derrubada a Lei de Imprensa], a proibição de entrevista com presos”, afirma a editora. renovamidia

 

STF arquiva inquérito da Lava Jato que investigava Maia e Renan

Nesta terça-feira (30), o ministro Edson Fachin (Supremo Tribunal Federal) determinou o arquivamento do inquérito que investigava o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) e o senador Renan Calheiros (MDB-AL).

Fachin atendeu a um pedido feito por Raquel Dodge (Procuradora-Geral da República), que afirmou não ter visto indícios suficientes para manutenção da apuração sobre os parlamentares.

Rodrigo Maia ainda responde a outros 2 inquéritos. Renan Calheiros é alvo de 13 apurações.

O inquérito arquivado dizia respeito ao suposto recebimento de valores ilícitos para aprovação de medidas provisórias do governo federal. conexaopolitica

Bolsonaro libera R$ 224 milhões para acolhimento a refugiados venezuelanos

O presidente Jair Bolsonaro assinou, nesta terça-feira (30), uma medida provisória que libera R$ 223,85 milhões para "assistência emergencial e acolhimento humanitário de pessoas advindas" da Venezuela. O dinheiro será gerido pelo Ministério da Defesa. Embora tenha que ser votada pelo Congresso em até 120 dias para ser legitimada, a medida já está em vigor.

O texto (MP 880/19), divulgado no Diário Oficial da União, será analisado inicialmente pela Comissão Mista de Orçamento da Câmara e, em seguida, será votada nos plenários da Câmara dos Deputados e do Senado.

Esta é a primeira MP do governo Bolsonaro destinada a auxiliar os refugiados do país vizinho. O governo do ex-presidente Michel Temer havia alocado, por meio de três outras MPs, um total R$ 280,3 milhões para assistência aos venezuelanos 2018. congressoemfoco

A cantora e compositora Beth Carvalho morre aos 72 anos

Beth estava internada no Hospital Pró-Cardíaco, em Botafogo, Zona Sul do Rio, desde o início de 2019. A causa da morte ainda não foi divulgada.

A cantora e compositora Beth Carvalho morreu no Rio de Janeiro nesta terça-feira (30), aos 72 anos.
Com mais de 50 anos de carreira e dezenas de discos gravados, a cantora é um dos maiores nomes do samba e considerada madrinha de artistas como Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz e Jorge Aragão – daí o apelido “Madrinha do Samba”.

Um problema na coluna já afligia a cantora havia algum tempo. 

Em 2018, com a mobilidade cada vez mais reduzida pelos efeitos do problema, Beth fez um show que entrou pra história. 

Ao lado do grupo Fundo de Quintal, ela mostrou sua força ao cantar deitada seus sucessos no show “Beth Carvalho encontra Fundo de Quintal – 40 anos de pé no chão”. RENOVA

No 1º de maio, centrais vão convocar greve geral contra reforma da Previdência

No dia 1º de maio, Dia Internacional do Trabalhador e da Trabalhadora, a CUT e demais centrais sindicais – Força Sindical, CTB, Intersindical, CSP-Conlutas, Nova Central, CGTB, CSB e UGT -, além das frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo, vão anunciar a data da greve geral que paralisará o país contra a reforma da Previdência de Jair Bolsonaro (PSL). A data indicativa para a paralisação é o dia 14 de junho.

A reforma que Bolsonaro diz que quer fazer para combater privilégios praticamente acaba com o direito à aposentadoria de milhões de trabalhadores, e atinge em especial os rurais e os mais pobres. Se o Congresso Nacional aprovar o texto da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 006/2019, além da obrigatoriedade da idade mínima de 65 anos para os homens e 62 para as mulheres, o valor das aposentadorias será drasticamente rebaixado. Para ter acesso ao benefício integral, os trabalhadores e trabalhadoras terão de contribuir por, pelo menos, 40 anos.

1º de maio em todo Brasil
Os atos do 1º de maio que anunciarão aos trabalhadores e trabalhadoras a agenda de luta contra o fim da aposentadoria ocorrerão em todo o Brasil. Em São Paulo, será no Vale do Anhangabaú, a partir das 10h. O ato político será realizado em três blocos durante o período da manhã, com o anúncio oficial da greve por volta das 13h, seguido de apresentações culturais.

Entre as atrações musicais, já confirmaram presença Ludmilla, Leci Brandão, Marília Cecília e Rodolfo, Roberta Miranda, Felipe Araújo, Guilherme e Santiago, Yasmin Santos, Toninho Geraes, Dj Evelyn Cristina e Mistura Popular.

É a primeira vez na história que as centrais sindicais brasileiras se unem em um ato unificado de 1º de maio, especialmente para lutar em defesa do direito à aposentadoria de milhões de brasileiros e brasileiras.

Para o Secretário-Geral da CUT, Sérgio Nobre, essa unidade é fundamental para barrar a reforma da Previdência e, por isso, “é importante a realização de grandes atos do 1º de maio no Brasil inteiro”.

“Estamos construindo a greve geral e a realização de atos unitários em diversas cidades neste 1º de maio é mais uma demonstração de unidade, que será decisiva para barrar os retrocessos contra a classe trabalhadora, em especial a reforma da Previdência”, diz Sérgio.

15 de maio, Dia Nacional de Luta
Ainda como parte da agenda de luta, as centrais sindicais já aprovaram a convocação de um Dia Nacional de Luta no dia 15 de maio, quando terá início a greve geral dos professores e professoras.

“Será uma paralisação importante para a construção da greve geral da classe trabalhadora brasileira”, afirma o Secretário-Geral da CUT.

Confira onde serão os atos do 1º de maio nos demais estados do país (em atualização):
BAHIA
14h - 1º de maio unificado no Farol da Barra, em Salvador.

BRASÍLIA
13h – Ato do 1º de maio da classe trabalhadora no Taguaparque, com apresentações culturais de Vanessa da Mata, Odair José, Israel e Rodolffo, entre outras atrações locais.
No 1º de maio também será celebrado os 40 anos do Sindicato dos Professores de Brasília (Sinpro-DF).

CEARÁ
15h -  Concentração na Avenida Beira Mar, próximo ao espigão da Rui Barbosa,e ato unificado na Praia de Iracema, em Fortaleza, ao lado do Centro Cultural Belchior Largo Luis Assunção.

ESPÍRITO SANTO
Vitória
8h30 - Praça Costa Pereira (centro)
Cariacica
8h30 - Comunidade Nossa Senhora Aparecida, Vila Palestina

GOIÁS
14h – Concentração na Praça Cívica, em frente ao Coreto.
17h - Ato político e atividades culturais com shows e outras atrações na Praça Universitária.

MATO GROSSO
16h – Ato político e cultural, com artistas regionais, na Praça Cultural do Bairro Jardim Vitória, em Cuiabá.

MATO GROSSO DO SUL
9h às 12h – Ato unificado do 1º de maio na Rua Anacá com a Rua Barueri, bairro Moreninha II.

MINAS GERAIS
Contagem
7h – Missa do Trabalhador, na Praça da Cemig - Cidade Industrial, com ato e marcha após a missa
Venda Nova
9h – Carreata em frente à Praça da Matris, centro
Santa Luzia
8h – Praça da Juventude - Bairro Cristina B

PARÁ
9h – Ato do 1º de maio no Mercado de São Brás, em Belém.

PARAÍBA
14h – Caminhada com concentração em frente ao Centro de Zoonoses dos Bancários.
17 – Ato cultural no Mercado Público de Mangabeira.

PARANÁ
8h – Café da manhã, celebração ecumênica e caminhada, na Paróquia São João Batista, Rua Baltazar Carrasco dos Reis, 698, Bairro Rebouças.

PERNAMBUCO 
9h - Concentração na Praça do Derby, em Recife.

PIAUÍ
8h - Ato do 1º de maio na Praça da Integração – C.S.U do Parque Piauí, em Teresina.

RIO DE JANEIRO
9h às 14h - Ato na Praça Mauá, com barraquinhas para coleta de assinaturas do abaixo-assinado contra a reforma da Previdência, além de outras atividades organizadas pelos sindicatos e movimentos populares.
14h às 17h - Os trabalhadores e trabalhadoras sairão em bloco pelas ruas, intercalando bloco e fala política das centrais sindicais e movimentos que compõem as frentes Brasil Popular e Povo sem Medo.

SERGIPE
8h - Concentração do ato na Praça da Juventude - Conjunto Augusto Franco. Em seguida, caminhada em direção aos Arcos da Orla de Atalaia, onde ocorrerá um ato político e cultural com coleta de assinaturas do abaixo-assinado contra a reforma da Previdência.

RIO GRANDE DO SUL
Porto Alegre 
14h – Concentração na Rótula das Cuias
15h - Caminhada na Orla do Guaíba
16h – Ato na Rótula do Gasômetro
Caxias do Sul 
14h – Ato nos Pavilhões da Festa da Uva
Bagé 
14h – Concentração na Praça do Coreto, com aminhada pela Avenida 7 de Setembro;
Erechim 
10h – Concentração no Bairro Atlântico
Passo Fundo
14h às 17h – Ato no Parque da Gare
Pelotas
14h às 18h - Ato com mateada e atividades artísticas na Praça Dom Antônio Zattera
Santa Maria
10h às 17h – Atividades com ato ecumênico, almoço coletivo, apresentações culturais, mateada, lançamento do Comitê Regional contra a Reforma da Previdência e ato público no Alto da Boa Vista, no bairro Santa Marta.
Ijuí 
14h – Concentração seguida de ato na Praça Central.
Rio Grande – (a definir)

SANTA CATARINA
Florianópolis
9h – Concentração no Parque do Maciço do Morro da Cruz
9h30 – Atividades Culturais
10h – Culto Ecumênico
11h – Panfletagem e diálogo com a comunidade sobre a Reforma da Previdência
Palhoça
14h - no Campo de Futebol Frei Damião, com atividades culturais, recreação para as crianças e debate sobre a Reforma da Previdência
Blumenau
15h - Ato público unificado na Praça da Prefeitura
Chapecó
15h – Sindicato dos Bancários de Chapecó (Rua Porto Alegre, esquina com Benjamim Constant)
Lages
Ocupa Calçadão em defesa da Previdência Pública e dos direitos dos Trabalhadores
Local: Calçadão Centro de Lages (Em frente ao Banco do Brasil)
15h - Concentração
15h30 - Atividade Cultural
15h45 - Debate 'Impactos da Reforma da Previdência n@s Trabalhador@s da Iniciativa Privada'
16h30 - Intervenção Cultural
16h40 - Debate 'Impactos da Reforma da Previdência n@s Trabalhador@s do Serviço Público'
17h15 - Intervenção cultural
17h25 - Debate 'Impactos da Reforma da Previdência na Vida das das Mulheres'
18h - Intervenção cultural e final da atividade.
Caçador 
Roda de conversa com chimarrão em defesa dos direitos no parque central de Caçador

SÃO PAULO (região metropolitana e inteiror)
Campinas 
9h30 – Concentração no Largo do Pará com caminhada até o Largo da Catedral
10h30 – Ato no Largo da Catedral
11h – Ida ao 1º de maio em São Paulo, no Vale do Anhangabaú 
*A Missa dos Trabalhadores na Catedral será das 9h às 10h30
Osasco
6h30 - 11º Desafio dos Trabalhadores, tradicional corrida e caminhada de rua do dia 1º de maio, com concentração a partir das 6h30.
Ribeirão Preto
9h - Debate "A Conjuntura Política e como Organizar a Luta" no Assentamento Mário Lago na Estrada Ernesto Che Guevara, Ribeirão Preto – Centro de Formação 
9h - Debate “Atualização Reforma da Previdência" no Clube dos Comerciários - Rua Ézio Lucchiari, 500 – Parque São Sebastião
16h – Ato político na Esplanada Pedro II - Rua Álvares Cabral, 370 - Centro
São Bernardo do Campo
Ação Inter-religiosa
9h - Concentração na Rua João Basso, 231, com procissão até a Igreja da Matriz
9h30 - Missa
São Carlos
9h - Ato na Praça do Mercado Municipal
Sorocaba
14h às 22h - O Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal) organiza um ato político-cultural no Parque dos Espanhóis, com a presença de Ana Cañas, Detonautas, Francisco El Hombre, entre outros.
 CUT

Aluno mata coordenador de colégio dentro da sala dos professores em Goiás

Um professor foi morto na tarde de hoje após levar dois tiros de um estudante dentro de uma escola em Valparaíso de Goiás, a 35 km de Brasília, segundo informa a polícia. O adolescente, de 17 anos, já foi identificado, mas está foragido. A vítima é Júlio César Barroso de Sousa, 41, que também atuava como coordenador do colégio.

O crime ocorreu por volta de 15h, na Escola Estadual Céu Azul. De acordo com a Polícia Civil de Goiás, o professor e o aluno tiveram uma discussão pela manhã, por motivo não informado até agora. O adolescente, então, voltou ao colégio à tarde e disparou contra o docente na sala dos professores.

Por telefone, a direção da escola confirmou o crime. A Polícia Militar, o Serviço de Atendimento Móvel de Emergência (Samu) e o Corpo de Bombeiros foram acionados, mas Sousa não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

A perícia foi acionada, e a Polícia Civil de Valparaíso investiga o caso.
Segundo o delegado responsável pelo caso, Rafael Abrão, o aluno autor dos disparos já tinha antecedentes por ato infracional "análogo a roubo". UOL

Nenhum setor contrata e desemprego sobe a 12,7% no 1º trimestre

No primeiro trimestre deste ano, nenhum setor da economia brasileira contratou, de acordo com a pesquisa Pnad Contínua do IBGE . A falta de disposição do empresariado para abrir vagas elevou o número de desempregados para 13,4 milhões e fez a taxa de desemprego subir a 12,7%. 

A renda do trabalhador também não apresentou melhora: o único grupo cuja renda teve alta nesse começo de ano foi o de trabalhadores domésticos, em razão do reajuste do salário mínimo, aplicado em janeiro.  

Os 13,4 milhões de desempregados são o maior número desde o primeiro trimestre do ano passado (13,6 milhões). Em relação aos últimos três meses de 2018, houve acréscimo de 1,2 milhão de pessoas a esse grupo, alta de 10,2%.

A taxa de desemprego é igualmente a maior desde os três primeiros meses de 2018, quando ficou em 13,1%. No último trimestre do ano passado, a taxa havia ficado em 11,6%. 

— Sempre na passagem do 4º trimestre para o 1º trimestre há dispensa de trabalhadores temporários contratados no fim de ano. Essa redução aconteceu este ano também. Mas ela poderia ter sido menor por conta do processo de melhora do mercado de trabalho em 2018, quando muitas pessoas conseguiram uma ocupação na informalidade. Estamos com um começo de 2019 muito parecido com o de 2018 em termos de volume de desempregados — explicou Cimar Azeredo, coordenador de Trabalho e Rendimento do IBGE. 

Setor público faz maior corte de vagas

O maior corte de vagas foi na administração publica, com menos 332 mil vagas. Houve queda de emprego também na construção civil, com 288 mil postos fechados. O emprego ficou estável na agricultura, na indústria, no comércio, no transporte, no alojamento, na informação em outros serviços e no serviço doméstico. 

— A construção é bastante atingida pela sazonalidade nesse período. As pessoas que são demitidas não têm escolaridade. São pedreiros e serventes, responsáveis por pequenos reparos. Não são trabalhadores de grandes obras — disse o coordenador do IBGE.

Rendimento não cresce

Na administração pública, afirmou Cimar, as dispensas são de trabalhadores temporários contratados sem carteira. Nesse começo de ano, praticamente metade desses desligamentos foram de professoras que, anualmente, são contratadas para trabalho de março a dezembro. 

O rendimento médio real habitual, estimado em R$ 2.291, está estável há quase dois anos, desde o segundo trimestre de 2017.   A massa de rendimentos, que representa a soma das rendas de todos os trabalhadores e é determinante para a economia do país, foi estimada em R$ 205,3 bilhões - estabilidade em relação ao fim do ano passado e alta de 3,3% em relação a um ano antes. 

O único grupo cuja renda teve alta nesse começo de ano foi o de trabalhadores domésticos, acréscimo de 2,3% em relação à renda do fim do ano passado, para R$ 909, em razão do reajuste do salário mínimo aplicado em janeiro. 

A renda média real do servidor público também teve alta, de 2,2%, para R$ 3.706. Mas, segundo Cimar Azeredo, a média ficou maior porque no início de ano a administração pública desliga os contratados temporariamente, que geralmente têm salários mais baixos. 

Subutilização recorde

Tanto a taxa de subutilização quanto o número de subutilizados foram recordes na série histórica da pesquisa, iniciada em 2012 pelo IBGE. A primeira ficou em 25%, atingindo pela primeira vez mais de 28 milhões de pessoas (28,3 milhões). 

Os subutilizados são aqueles trabalhadores subocupados por insuficiência de horas trabalhadas (têm jornada inferior a 40 horas semanais e estavam disponíveis e gostariam de trabalhar mais), os desempregados, as pessoas que procuraram trabalho mas não estavam disponíveis para trabalhar por alguma razão e aqueles que estavam disponíveis para uma vaga mas não estavam procurando emprego porque haviam desistido da busca, os chamados desalentados.
O número de empregados foi estimado em 91,9 milhões de pessoas nesses três primeiros meses do ano - menos 873 mil pessoas em relação ao fim do ano passado e alta de 1,6 milhão em relação a um ano antes. 

O número de empregados com carteira ficou estável nas duas comparações, estimado em 32,9 milhões de trabalhadores. Já o sem carteira no setor privado, 11,1 milhões de pessoas, encolheu em 365 mil pessoas em relação aos três meses anteriores e a um ano antes houve adição de 466 mil trabalhadores. 

Se somados todos os trabalhadores sem carteira do país (no setor privado, no trabalho doméstico, no setor público, os conta própria sem CNPJ, empregadores informais e o trabalhador familiar auxiliar), 39,5 milhões de brasileiros ou 43% do total de ocupados estavam na informalidade no primeiro trimestre do ano.


Desalento sobe

O número de pessoas que desistiu de procurar trabalho, os chamados desalentados, foi estimado em 4,8 milhões e subiu em ambas as comparações: esse grupo teve adição de mais 180 mil pessoas na passagem de trimestre e, em relação aos três primeiros meses do ano, ganhou mais 256 mil pessoas.
Em meio a este cenário, uma atividade que desponta como uma saída para a falta de trabalho é fazer transporte de passageiros ou entregas por meio de aplicativo. De acordo com o IBGE, o Brasil ganhou 202 mil motoristas de aplicativo no primeiro trimestre de 2019, na comparação com igual período do ano anterior. 

Estes brasileiros aumentam a fatia da informalidade, uma vez que trabalham sem registro na carteira de trabalho.

Entenda os números

13,4 milhões de desempregados

São os brasileiros que buscaram uma vaga na semana da pesquisa do IBGE mas não encontraram.

4,8 milhões de desalentados

São os trabalhadores que estão desempregados mas nem procuraram vaga na semana. Inclui quem se acha muito jovem, muito idoso, pouco experiente, sem qualificação ou acredita que não encontrará oportunidade no local onde reside. O número de desalentados é influenciado por vários fatores, até por notícias relacionadas à crise. Parte das pessoas que tem contato com informações sobre aumento de número de desempregados simplesmente desiste de procurar. O número se manteve recorde em fevereiro.

6,8 milhões de subocupados

São brasileiros que fizeram algum tipo de trabalho, mas que dedicaram menos de 40 horas semanais a isso e gostariam de trabalhar por um período maior. Um profissional freelancer ou alguém que faça bicos e não está conseguindo muitos trabalhos se encaixa nessa situação.

28,3 milhões de trabalhadores subutilizados

Este grupo inclui, além dos desempregados, os desalentados, os subocupados por insuficiência de horas trabalhadas e ainda a força de trabalho potencial. Com 8,1 milhões de brasileiros nessas condições em fevereiro, a força de trabalho potencial considera duas situações: 1) quem procurou uma vaga mas, por algum motivo qualquer (como, por exemplo, cuidar de um parente doente), não estava disponível para trabalhar na semana da pesquisa do IBGE; 2) quem não procurou uma vaga, mas estava disponível para trabalhar na semana de referência.

65,3 milhões fora da força de trabalho

São pessoas em idade ativa, ou seja, com mais de 14 anos, mas que não estavam trabalhando nem buscando emprego. Em momentos de crise prolongada de emprego, além de aumentar o desalento, costuma crescer também o número de pessoas fora da força de trabalho.OGlobo

segunda-feira, 29 de abril de 2019

Projeto reserva 20% das vagas em concursos para alunos de escolas públicas

Tramita na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) o projeto de lei (PL 2.312/2019) que reserva 20% das vagas de concursos para candidatos que tenham cursado os ensinos fundamental e médio integralmente em escolas públicas. O autor da matéria, senador Fabiano Contrato (Rede-ES), sugere que a medida seja adotada durante 20 anos.

A regra vale para cargos efetivos e empregos públicos no âmbito da administração federal, em autarquias, fundações, empresas e sociedades de economia mista controladas pela União. A reserva será aplicada sempre que o número de vagas oferecidas no concurso for igual ou superior a três. Os editais devem especificar o total de postos destinados a cada cargo ou emprego.

O candidato deve comprovar no ato da posse que cursou os ensinos fundamental e médio em escolas públicas. Para isso, deve apresentar histórico escolar original ou cópia autenticada. Se for constatada declaração falsa, o candidato é eliminado do concurso. Se já houver sido nomeado, responde procedimento administrativo para anulação da admissão ao serviço público. Nesse caso, o infrator deve devolver todos os custos do Poder Público com seleção, admissão e treinamento.

O cotista pode disputar ao mesmo tempo as vagas destinadas à ampla concorrência. Nesse caso, o nome não é computado para o preenchimento das vagas reservadas. Caso haja desistência de cotista aprovado em vaga reservada, ela será preenchida pelo candidato cotista posteriormente classificado. Se não houver cotistas aprovados em número suficiente para ocupar as vagas reservadas, as remanescentes serão revertidas para a ampla concorrência.

Na justificativa do PL 2.312/2019, Fabiano Contarato classifica a qualidade do ensino público no Brasil como “deplorável”: “Falta de tudo. Falta giz, falta carteira, falta ventilador, falta professor e falta merenda. Quem tem coragem de dizer que o pobre concorre em condições de igualdade com o superatleta dos concursos, que viaja para Miami para relaxar após a prova? Devemos dar oportunidades de ingresso no serviço público de forma igualitária à parcela mais pobre da sociedade”, argumenta o senador.

O projeto aguarda o recebimento de emendas até esta sexta-feira (26). Se for aprovada na CCJ, a matéria segue direto para a Câmara — a não ser que haja um recurso assinado por pelo menos nove senadores para a votação do texto no Plenário da Casa.senado

'Vingadores: Ultimato' quebra recordes de bilheteria na estreia

Vingadores: Ultimato, números de pré-vendas e investimento de marketing, o mercado já contava com uma quebra de recordes de bilheteria neste primeiro final de semana. Mesmo assim, os números foram ainda maiores do que a Disney esperava.

Levando em consideração a procura dos fãs por

De acordo com o site especializado Box Office Mojo, a produção arrecadou nada menos que US$1,2 bilhão de dólares nos primeiros três dias, tornando-se o primeiro filme a conquistar tal feito.

Vale lembrar que ele foi lançado no maior número de salas já registrado nos Estados Unidos: 4.662 salas, o que representa cerca de 10% dos cinemas disponíveis, em comparação com a lotação de 90% dos cinemas brasileiros.R7

Maior pré-estreia: US$60 milhões na noite de quinta-feira, contra US$57 milhões de Star Wars: O Despertar da Força
Maior bilheteria em um único dia: US$156,7 milhões na sexta-feira, contra US$119,1 milhões de Star Wars: O Despertar da Força
Maior abertura doméstica: US$350 milhões, contra US$257,7 milhões de Vingadores: Guerra Infinita
Maior faturamento por sala em circuito nacional: US$75 mil por cinema, em média, contra US$59,9 mil de Star Wars: O Despertar da Força
Maior faturamento de todos os filmes em cartaz: US$389 milhões somados, contra US$305 milhões da semana de 18 de dezembro de 2015, quando estreou Star Wars: O Despertar da Força
Filme mais rápido a acumular US$100 milhões: 1 dia, contra 1 dia (porém mais horas) de Star Wars: O Despertar da Força
Filme mais rápido a acumular US$150 milhões: 1 dia, contra 1 dia de Vingadores: Guerra Infinita
Filme mais rápido a acumular US$350 milhões: 3 dias, contra 6 dias de Star Wars: O Despertar da Força
Maior abertura internacional: US$859 milhões, contra US$443,1 milhões de Velozes & Furiosos 8
Maior abertura total, somando Estados Unidos e demais mercados: US$1,2 bilhão, contra US$640,5 milhões de Vingadores: Guerra Infinita
Maior faturamento de estreia em 3D: US$540 milhões, contra US$366 milhões de Vingadores: Guerra Infinita
Maior faturamento de estreia em IMAX: US$91,5 milhões, contra US$47,6 milhões de Star Wars: O Despertar da Força
Em apenas três dias, Vingadores: Ultimato já se tornou a 18ª maior bilheteria de todos os tempos, e a sexta maior bilheteria acumulada do Universo Cinematográfico Marvel.

Últimas Lewandowski libera mais dois jornalistas e uma TV para entrevistar Lula

O ministro Ricardo Lewandowski (Supremo Tribunal Federal) autorizou que mais dois jornalistas e uma emissora de TV entrevistem o ex-presidente Lula, que está preso desde o ano passado em Curitiba, após ter sido condenado por corrupção e lavagem de dinheiro.

O jornalista Glenn Greenwald, do site The Intercept Brasil, e Eleonora de Lucena, do Tutaméia, conseguiram a permissão no dia 24 de abril.

A TVT (TV dos Trabalhadores) também conseguiu permissão para entrevistar o presidiário.

Na decisão, Lewandowski destacou que “ainda que se encontre em execução antecipada da pena, [Lula] não pode ter seus direitos fundamentais restringidos pelo Estado, dentre eles a liberdade de expressão”.

Na última quinta-feira (26), Lula concedeu entrevista à Folha de São Paulo e ao El País. conexãopolitica

Evangélica, Patrícia Abravanel é criticada por realizar circuncisão em seu terceiro filho

A apresentadora evangélica Patrícia Abravanel, filha do judeu Silvio Santos, se tornou alvo de intensas críticas nas redes sociais por levar seu terceiro filho, Senor, para submetê-lo à circuncisão.
A cerimônia judaica foi realizada no dia 21 de abril, domingo de Páscoa, com a presença do avô e demais membros da família. A data também tem importância para os judeus, que celebram o Pessach, em memória à libertação do povo hebreu da escravidão no Egito.

No Instagram, Patrícia Abravanel citou um trecho do capítulo 17 de Gênesis para justificar a decisão dela e do marido, Fábio Faria, em circuncidar o bebê. “Ao oitavo dia vocês circuncidarão todos os meninos da sua descendência. A circuncisão servirá como sinal da aliança que há entre mim e vocês, um sinal no seu corpo para mostrar que minha aliança com vocês é para sempre (Gênesis 17)”, escreveu a apresentadora.

“Foi uma grande alegria e um momento único celebrar a circuncisão do pequeno Senor junto com o Pessach e a Páscoa; festas que simbolizam tanta vida e tanta vitória. O Pessach marca a libertação do povo judeu da escravidão. O domingo de Páscoa marca a ressureição de Cristo e o começo de um novo tempo. Nesse dia tão especial tivemos a honra de reconhecer a fidelidade e bondade de Deus junto daqueles que amamos e também um momento de reafirmar nossa aliança com esse Deus maravilhoso! ‘Eu e minha casa serviremos ao Senhor’ (Josué 24). Desejo a todos um Pessach de liberdade na alma e uma Páscoa cheia de vida e vitórias!! Cristo veio para que tenhamos vida e vida em abundância!”, acrescentou Patrícia.

Há um ano, a apresentadora consagrou a filha, Jane, a Deus durante um culto na Igreja Batista Memorial, em Alphaville, Barueri (SP), onde ela, o marido e os filhos vivem.

Nos comentários, porém, alguns seguidores não pouparam críticas, apontando que a circuncisão não tem mais valor perante Deus após o sacrifício de Jesus na cruz. Alguns mais exaltados se referiram à filha de Silvio Santos como “falsa evangélica”.

No mesmo dia, a irmã de Patrícia, Rebeca, foi batizada nas águas na filial da Hillsong Church em São Paulo, ao lado do namorado, Alexandre Pato. gospel+


“Todas as esposas podem ser iguais a minha, basta ler a Bíblia”, diz Silvio Santos

Silvio Santos fez uma declaração à sua esposa, Iris Abravanel, durante apresentação do Troféu Imprensa. A atração que consagra os melhores do ano em diversas categorias foi um verdadeiro sucesso nas redes sociais.

Em determinado momento Silvio Santos recebeu a apresentadora Eliana.
 
Ela pediu que o patrão ensinasse o segredo de uma relação longa como a que tem com Íris Abravanel. “Todas as esposas podem ser iguais a minha, basta ler a Bíblia”, disse.
Iris Abravanel é evangélica. JMnoticia
 

Igrejas não pagarão imposto sobre dízimos e ofertas, afirma Bolsonaro (vídeo)

O presidente Jair Bolsonaro divulgou, na manhã desta segunda-feira (29), um vídeo em que desautoriza seu secretário da Receita Federal, Marcos Cintra, sobre a criação de um novo imposto que acabaria com a contribuição previdenciária que incide sobre a folha de pagamento.
Em entrevista à Folha, Cintra declarou que o novo tributo, que deve ser criado para simplificar o modelo de arrecadação no país, teria ampla abrangência, recaindo inclusive sobre igrejas (dízimos e ofertas). Essas instituições hoje são isentas. Na mensagem, o presidente disse que foi surpreendido com a declaração de Cintra de que até fiéis pagariam impostos sobre o dízimo.
 Em uma mensagem de 41 segundos, Bolsonaro disse duas vezes que nenhum imposto será criado para as igrejas.

“Quero me dirigir a todos vocês, dizendo que essa declaração não procede. Quero dizer que em nosso governo nenhum novo imposto será criado, em especial contra as igrejas, que, além de terem um excelente trabalho social prestado a toda a comunidade, reclamam eles, em parte com razão ao meu entendimento, que há uma bitributação nessa área”, afirmou.

Ao final da mensagem, Bolsonaro fez questão de reforçar: “Então, bem claro: não haverá novo imposto para as igrejas. Bom dia a todos. E fiquem com Deus”.

Leia íntegra da mensagem:
Bom dia a todos! Fui surpreendido nesta manhã com a declaração do nosso secretário da Receita de que seria criado um novo imposto para as igrejas. Quero me dirigir a todos vocês, dizendo que essa informação não procede. Em nosso governo nenhum novo imposto será criado, em especial contra as igrejas, que além de terem um excelente trabalho social prestado a toda a comunidade reclamam eles, em parte com razão ao meu entendimento, que há uma bitributação nessa área. Então, bem claro: não haverá novo imposto para as igrejas. Um bom dia a todos e fiquem com Deus. Jmnoticia

Barroso nega foro especial a Marco Feliciano em caso contra Caetano Veloso

O Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Roberto Luís Barroso decidiu, na quinta-feira (25), não conceder foro especial ao deputado federal Marco Feliciano (Podemos-SP) no caso da queixa-crime por difamação e injúria apresentada contra o parlamentar pelo cantor Caetano Veloso. A decisão foi divulgada no Diário da Justiça Eletrônico na sexta (26).

A queixa-crime se refere a declarações dadas pelo parlamentar ao programa “Pânico”, da rádio Jovem Pan, em 20 de março de 2018. Então, Feliciano acusou Caetano de ter estuprado sua mulher, a produtora Paula Lavigne, quando ela tinha 13 anos e ele, 40. “Pela lei, isso é estupro de vulnerável”, disse o parlamentar na entrevista.

A defesa de Feliciano havia requerido ao STF que o parlamentar tivesse direito ao foro especial, ou seja, que fosse julgado pelo órgão colegiado, e não em primeira instância. O argumento era de que o deputado fora convidado a participar do programa por sua atuação no Congresso. Folha

PF busca ‘laranjas’ na sede do PSL em Minas

A Polícia Federal cumpre na manhã desta segunda, 29, sete mandados de busca e apreensão no âmbito das investigações sobre supostas candidaturas laranjas do PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, em Minas Gerais. A sede do partido é um dos endereços-alvo da operação “Sufrágio Ostentação”.

De acordo com a PF, a Operação tenta esclarecer suspeita de irregularidade na aplicação de recursos referentes a campanhas eleitorais femininas.

A sede do PSL em Minas Gerais é um dos alvos dos mandados judiciais expedidos pela 26ª Zona Eleitoral de Belo Horizonte. Agentes cumprem ainda outro mandado na capital mineira, dois em Contagem, um em Coronel Fabriciano, um em Ipatinga e um em Lagoa Santa.

Houve também a apreensão de documentos relativos à produção de material gráfico de campanhas eleitorais.

O PSL acumula denúncias de mulheres que afirmam terem sido usadas como laranja nas eleições do ano passado. A primeira a confirmar ter sido pressionada a usar recursos de sua campanha para pagamentos de despesas que não as suas foi Cleuzenir Barbosa, de Governador Valadares, Região Leste de Minas, que hoje vive em Portugal. A ex-candidata afirma que não concordou com o esquema e que foi para o exterior por medo de continuar no Brasil.

Na semana passada, o material de campanha da candidata a deputada estadual Zuleide Aparecida de Oliveira foi entregue ao Ministério Público Federal e pode ser considerada a principal prova de que o partido não contabilizou gastos nas eleições 2018. Zuleide afirmou ao jornal Folha de São Paulo ter sido chamada pessoalmente pelo atual ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antonio, para entrar na disputa como laranja.

O ministro do Turismo também é investigado por suspeita de ter patrocinado um esquema de candidaturas laranjas durante a eleição de 2018, na qual o PSL teria direcionado verbas de fundo eleitoral para quatro candidatas que acabaram gastando o dinheiro com empresas de pessoas ligadas ao próprio ministro. Istoé

245 milhões de cristãos sofrem perseguição mundo afora

A associação Portas Abertas, fundada em 1955, publica a cada ano o índice mundial de perseguição contra cristãos. Os números são alarmantes.

O índice do ano de 2019 mostra que entre o dia 1º de Novembro de 2017 e 31 de Outubro de 2018, 245 milhões de cristãos foram fortemente perseguidos. 

O que significa 1 em 9 hoje, contra 1 em 12 no planeta em 2017. A opressão cotidiana aumentou em 16%, desde 2014, e os assassinatos também, registra a jornalista Sheila Leiner.

Sem contar o último atentado contra as igrejas de Sri Lanka, a lista dos países onde os cristãos são mais perseguidos por meio de violências físicas, materiais e discriminações cotidianas, é a seguinte:

1. Coreia do Norte (em 1° lugar, desde os anos 2000)
2. Afeganistão
3. Somália
4. Líbia
5. Paquistão
6. Sudão
7. Eritreia
8. Iêmen
9. Irã
10. Índia

Na Coreia do Norte, hoje, entre 50 e 70 mil cristãos são prisioneiros em campos de trabalho forçado. 
 
No Afeganistão, a pressão familiar e tribal é comparável àquela de um Estado totalitário.

Enquanto que a Somália tornou-se uma roda giratória do terrorismo islâmico. 

Há países que não estão na lista, onde a violência é aterrorizadora, como a Nigéria onde está o famigerado grupo islamista Boko Haram.

Já o regime comunista China detém o triste recorde em detenções: 1.131 pessoas inocentes, apenas porque são cristãs, foram presas e/ou estão encarceradas desde o ano passado. renovamidia

domingo, 28 de abril de 2019

Bahia vence o Corinthians de virada na estreia no Campeonato Brasileiro

O Bahia estreou com vitória no Campeonato Brasileiro ao bater o Corinthians por 3 a 2, de virada, neste domingo, na Fonte Nova, em Salvador. O Timão abriu o placar com Pedrinho nos acréscimos do primeiro tempo, mas o Tricolor chegou à igualdade na saída de bola, com Arthur Caíke. Na etapa final, Artur e Rogério, com um golaço por cobertura, colocaram a equipe da casa em vantagem. Clayson, também com um belo gol, descontou no fim. globoesporte

VIRALIZOU | Aluna filma opinião de professora e Bolsonaro se posiciona: ‘Professor tem que ensinar, não doutrinar’ (vídeo)

Aluna Tamires militante do PSL, Ativista politicamente incorreto, cofundadora e secretária do Direita Itapeva registra momento em que professora de Gramática ataca o governo Bolsonaro e afirma que Olavo é uma “anta” porque “mete o pau em tudo”.
O presidente da República, Jair Bolsonaro, voltou a denunciar na manhã deste domingo (28) a doutrinação em salas de aula pelo Brasil

Em mensagem na rede social Twitter, Bolsonaro publicou um vídeo em que uma aluna confronta uma professora doutrinadora.

No vídeo, que foi publicado inicialmente pelo perfil da Escola Sem Partido, a jovem afirma que a docente gasta o tempo da aula com críticas ao governo Bolsonaro e ao filósofo Olavo de Carvalho.

O momento de indignação da aluna acontece após a professora de Gramática afirmar que Olavo é uma “anta” porque “mete o pau em tudo”. renovamidia