Translate

Compartilhe

https://www.facebook.com/deltan.dallagnol/videos/1384339188276453/

search este blog

  • Futuro Sorriso!

    Simião Célio posta vídeo para música Futuro Sorriso no YouTube

  • Reportando!

    6ª edição do AGORA SOMOS UM

  • Entrevista com Wallas Silva

    "Lutador de Muay Thai""

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

9ª Edição do "AGORA SOMOS UM" propõe arrecadação de alimentos

O movimento "AGORA SOMOS UM" que tem se tornado bastante conhecido por seu trabalho de evangelismo entre jovens e adolescentes na praça Mármore Neto (praça do boneco) no bairro Brasil, da cidade de Vitória da Conquista, propõe aos participantes deste projeto arrecadação de alimentos. 
O ato solidário surge com a finalidade de proporcionar às famílias carentes da cidade um natal sem fome, e o exercício da caridade como forma de tornar comum entre os envolvidos neste serviço social de evangelismo o princípio da igualdade, fator preponderante nos discursos de Cristo aos seus seguidores.

Os interessados em contribuir nas doações de alimentos, poderão comparecer na praça Mármore Neto (praça do boneco) no bairro Brasil, no dia 03 de dezembro, a partir das 14:30h e ser abençoado com a palavra de Deus.

Todos os que criam estavam unidos e tinham tudo em comum... Atos 2.44
e dividiam o que possuíam entre todos, segundo a necessidade de cada um... Atos 2.45

Escola proíbe aluno de 7 anos de ler a Bíblia durante intervalo das aulas e chama a Polícia

Uma escola pública proibiu um menino de 7 anos que parasse de ler a Bíblia durante o almoço e compartilhar versículos com os colegas, e chamaram a Polícia para que a medida fosse cumprida.
Os pais do jovem estudante foram surpreendidos por uma visita da xerife em sua casa, a pedido da direção da escola, para que fosse garantido que o filho deles não lesse a Bíblia ou compartilhasse a mensagem com outros alunos.

“Esta é uma violação clara e flagrante dos direitos de uma criança”, disse Horatio Mihet, um advogado da entidade Liberty Counsel, que está representando o menino, matriculado na escola Desert Rose Elementary School, em Palmdale , Califórnia (EUA), e seus pais, Christina e Jaime Zavala. Tudo começou, segundo informações da Fox News, quando Christina tomou a iniciativa de incluir um versículo bíblico e um recado com mensagem encorajadora no pacote com o lanche que seu filho levava para a escola. Na hora do almoço, ele contava para os amigos qual era o versículo e a mensagem escrita por sua mãe, lendo em voz alta.
Não demorou muito para que as crianças pedissem cópias dos recados escritos pela mãe do aluno. No dia 18 de abril, uma professora chamou Christina à escola e disse que seu filho não poderia mais compartilhar os versículos da Bíblia porque ele não estava “autorizado a compartilhar essas coisas na escola”.
O Liberty Counsel informou que a escola permitiria apenas a criança distribuir os versículos da Bíblia fora do portão da escola – depois do horário das aulas. A professora havia salientado que o menino “não podia mais ler ou compartilhar versículos ou histórias da Bíblia no almoço” – citando como motivo a “separação da Igreja e do Estado”.
Para evitar maiores confusões, os pais do aluno decidiram acatar o pedido da professora, porém, no dia 09 de maio, menos de dois meses depois, o diretor da escola decidiu implementar uma proibição completa sobre o compartilhamento de versículos da Bíblia.

A entidade Liberty Counsel alega que o menino foi condenado a deixar de entregar as notas porque “foi contra a política da escola”. O diretor disse ao menino e ao pai para que o compartilhamento fosse feito na calçada, e eles acataram o pedido.
Não bastasse isso, algumas horas depois, a Polícia foi à casa da família: “O vice-xerife disse que tinha sido enviado pela escola. O policial passou a dizer aos pais que a escola estava preocupada de que alguém pudesse ser ofendido pelos versículos da Bíblia”, afirmou o advogado do Liberty Counsel, Richard Mast.
Mast frisou que o policial foi cortês e educado, e não entregou nenhum tipo de intimação e adotou uma postura de pacificação. No entanto, os pais do aluno sentiram que seu direito estava sendo violado.

“Foi ultrajante e deve impressionar a consciência de todo americano amante da liberdade”, disse Horatio Mihet. “Aparentemente, todos os criminosos reais foram tratados em Palmdale – e agora eles estão indo atrás de crianças que compartilham versos da Bíblia durante a hora do almoço”, prosseguiu, adotando tom sarcástico.
O colunista Todd Starnes comentou que procurou a direção da escola, mas não obteve retorno, e o superintendente do distrito escolar de Palmdale, Raul Maldonado, afirmou que o assunto está sendo revisado com a ajuda de consultores jurídicos.
“Posso confirmar o entendimento do Distrito de que um membro do departamento do xerife visitou a casa. No entanto, o Distrito ainda não tem uma posição quanto à natureza específica desse compromisso”, afirmou Maldonado, sem responder quem foi que pediu a ida da Polícia à casa da família.

“O Distrito continua empenhado em garantir um ambiente em que todos os alunos, independentemente da afiliação ou crença religiosa, sejam livres para aprender e alcancem todo seu potencial”, acrescentou.
Starnes comentou, em seu artigo para a Fox News, que a situação parecia mais uma “estratégia para intimidar a família Zavala”.
“Esperava-se algo desse tipo na Romênia comunista – onde fui à escola primária – mas não que policiais intimidem os jovens de 7 anos que querem falar sobre Jesus na terra dos livres”, desabafou o advogado Mihet, acrescentando que os estudantes não conferem seus direitos constitucionais na porta da escola.

“Se os alunos tiverem permissão para desmarcar cartões de aniversário ou de falar sobre o Superman e o Capitão América no almoço, eles não podem ser proibidos de compartilhar versículos da Bíblia e discutir sua fé durante seu tempo livre e não instrutivo”, acrescentou Mihet .
A entidade Liberty Counsel está exigindo que a escola deixe de suprimir e censurar o discurso religioso dos estudantes. E se a escola optar por manter a postura, será processada na esfera federal. “E para uma boa medida – só podemos esperar que Liberty Counsel use um vice-xerife para entregar o processo para o diretor da escola”, comentou Starnes.

quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Vídeo de Fernanda Brum cantando música secular aos 14 anos viraliza na internet: ‘Nunca quis voltar. Deus me tirou de lá'

Fernanda Brun diz: Olha que interessante ... eu tinha 14 anos e vivia os piores momentos da minha vida sem Jesus ... no meu novo livro o “Na Mira” conto muito sobre essa época! Foi daí que Jesus me tirou! Glória a Deus por ter me salvado! Em nenhum momento de dificuldade na vida eu pensei em fazer música secular! Eu vim de lá! O altar é o meu lugar! 

Tem muito mais vídeos de onde tiraram esse! Esse vídeo não me envergonha mais! Na verdade glorifica o nome de Jesus! Pq Ele me tirou de lá! Do mundão! Por isso eu posso pregar em qualquer janela de mídia! Aleluia! Hoje as 17:00 no altar da Ipan vamos falar mais de como Jesus liberta! Glória a Deus! Um salve ao colega #sergiomalandro!

Assista ao vídeo, Fernanda Brum adolescente, cantando uma canção chamada Bem Que se Quis, de Marisa Monte no extinguido programa do apresentador Sérgio Mallandro.

terça-feira, 28 de novembro de 2017

Marcos Mion pede que pessoas aceitem Jesus: "Quanto mais demora, maior o arrependimento"

Marcos Mion usou seu perfil da rede social para alertar as pessoas sobre a urgência de se entregar a Jesus. (Imagem: Twitter)
As mídias sociais têm se tornado plataformas cada vez mais movimentadas, nas quais as pessoas expõem suas opiniões e acabam até gerando debates bem acalorados sobre assuntos considerados polêmicos. Porém o apresentador e comunicador Marcos Mion acredita que os mais de 20 milhões de usuários que o acompanham no Twitter precisam também receber mensagens edificantes.

No último sábado (25), por exemplo, o apresentador cristão foi bem claro em alertar sobre a importância de que as pessoas decidam se entregar a Jesus e façam isso o quanto antes.
"#AceitemJesusPorque quanto mais voce demora, maior vai ser a sensação de arrependimento por não ter aceitado e entendido tudo antes!", publicou ele.

A fé de Mion tem sido manifesta pelo apresentador, também em outras oportunidades, como por exemplo em uma edição anterior de seu programa, no qual ele reconheceu que "o plano de Jesus Cristo para a gente é a família".
Na ocasião, Mion falou sobre como ele e sua família têm lidado com a criação de seu filho, Romeo - diagnosticado com autismo, ainda bebê.

"Imagine você, vivendo esse sonho, essa vida perfeita para ir para um próximo passo, porque o plano de Jesus Cristo para a gente é a família. E aí o seu filho, quando você tem 24 anos e esse sucesso todo, ele nasce dentro do espectro autista. Muita gente acha que quando isso acontece, esse é o fim. É um desespero, você perde o chão", afirmou. com informações guiame

“Tenho que mostrar o que Deus fez para mim”, testemunha Yudi após batismo (Vídeo)

Yudi Tamashiro contando seu testemunho na Igreja Bola de Neve em Alphaville. (Foto: Reprodução/Facebook)
Depois de ser batizado nas águas, o apresentador Yudi Tamashiro contou um pouco de sua história em um vídeo enviado ao programa Fofocalizando, do SBT.
“Faz algum tempo que eu frequento a Igreja Evangélica, e várias coisas aconteceram durante todo esse tempo. Muitas pessoas me conhecem como o garoto da TV, do Bom dia & Cia, o garoto PlayStation, só que nunca conheceram o Yudi”, disse o jovem.

“Durante muitos anos tive problemas, era preso a várias coisas, digamos, ‘do mundo’ — bebidas, mulheres, enfim. Mas chegou um momento da minha vida que eu falei que eu realmente precisava mudar para o meu crescimento como profissional, como ser humano. Encontrei a igreja e para mim foi maravilhoso”, acrescentou.

Yudi foi batizado na Igreja Bola de Neve em Alphaville, na Região Metropolitana de São Paulo. O apresentador publicou as fotos do momento no dia 18 de novembro, junto com a legenda: “Quem crer e for batizado será salvo”.
“O batismo aconteceu agora porque senti que era o momento, que era a hora certa e me sinto completo”, explicou o rapaz. “Eu tenho vivido momentos especiais de felicidade verdadeira, realmente. Algo que eu curta na rua, volto para casa e durmo tranquilo”.

O apresentador se alegra em dividir essa fase de sua vida e pretende ser um exemplo para os seus seguidores. “Eu, como formador de opinião, tenho que estar mostrando o caminho certo, mostrando o que Deus fez para mim”. com informações guiame

Assista

segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Neurologista diz que ser grato a Deus faz bem ao cérebro: “Provoca mudanças no corpo”

Especialistas garantem: a gratidão é agradável não somente a Deus, mas também à saúde do corpo. Segundo o neurologista David Perlmutter, ser grato a Deus pode fortalecer o cérebro.
“Estou falando da gratidão em termos de ação”, disse ele em entrevista à CBN News. “A expressão de gratidão ultrapassa os nossos pensamentos. Ela se estende para nossas ações do dia a dia”.
 
“Nós sabemos que quando participamos de ações que estão em torno da gratidão, o que é certamente nossa nobre obrigação, há mudanças químicas no corpo e no cérebro que são boas para nós”, afirmou o Dr. Perlmutter.
O médico prosseguiu explicando: “Temos redução em vários produtos químicos de estresse que são prejudiciais, como o cortisol, e fomentamos o crescimento de certas áreas do cérebro que aumentam a percepção do mundo como um bom lugar”.
Perlmutter explica que quanto menos enxergamos o mundo de forma positiva, mais o cérebro o encara de maneira negativa. “Portanto, é a prática da oração, da expressão de gratidão e do amor no dia a dia que nos envolve e, por fim, tem uma positividade muito autossuficiente. É bom para o nosso cérebro e para a saúde”.
O especialista ainda enfatizou que ser grato pode provocar um impacto positivo nos relacionamentos. “Ao expressarmos gratidão, mudamos a maneira como vemos o mundo. O mundo parece menos ameaçador. Nos tornamos mais propensos a engajar esses relacionamentos com outras pessoas e sentimos que outras pessoas estão sendo abençoadas”, observa. com informações gospelgeral

Pastor que morreu pregando no Titanic conseguiu salvar sua última alma minutos antes de morrer

O amor pelas almas é algo concedido pelo próprio Espírito de Deus, onde o servo do Altíssimo é capaz de fazer a mesma coisa que Jesus fez, dar a sua vida em favor dos perdidos. A história abaixo é verídica, sendo narrada no livro “The Titanic’s Last Hero” (“O Último Herói do Titanic”)”, publicado em 2012 por Moody Adams, que registrou o testemunho do último homem evangelizado pelo pastor.
O famoso navio Titanic, que naufragou em abril de 1912, logo após se colidir em um iceberg no Oceano Atlântico, tem histórias marcantes que mexem com milhões de pessoas até os dias de hoje, onde já virou até filme. Mas uma história pouca conhecida no navio é capaz de avivar a fé de muitas pessoas.
O pastor John Harper, que morreu no naufrágio do Titanic, era pastor da Igreja Batista Road Paisley, na cidade de Glasgow, na Escócia, sua terra natal, onde viu a igreja crescer de 25 membros para mais de 500 membros fiéis.
Harper tinha 39 anos, era viúvo e estava acompanhado da filha, de 6 anos, e sua irmã. Juntos, eles iam em direção a Chicago, em Illinois, nos Estados Unidos, para pregar por algumas semanas na Igreja de Moody.
No naufrágio, sua filha e irmã, foram colocadas em um bote salva-vidas e conseguiram sobreviver, mas o pastor ficou para trás, afim de salvar vidas, não da morte física, mas da morte espiritual.
Vestido com o colete salva-vidas, o pastor decidiu entregar seu próprio colete para outro passageiro, chamado George Henry Cavell, logo após fazer a seguinte pergunta para ele: “Você é salvo?”.
“Nos cinquenta minutos finais, George Henry Cavell, que estava apoiado numa prancha, se aproximou de John Harper. Harper, que estava se debatendo na água, gritou: ‘Você é salvo?’ Ele respondeu: ‘Não’. Harper gritou as palavras da Bíblia: ‘Creia no Senhor Jesus Cristo e será salvo’. Antes de responder, o homem foi puxado para dentro do mar. Minutos mais tarde, a corrente trouxe George de volta e eles ficaram à vista um do outro. Mais uma vez, Harper gritou: “Você é salvo?” Novamente, ele respondeu: “Não”. Harper repetiu as palavras de Atos 16:31: “Creia no Senhor Jesus Cristo e você será salvo”, conta um trecho do livro.
O pastor que estava sem colete e lutando contra a correnteza, perdeu as forças e acabou escorregando no mar e morrendo afogado. O homem que ele evangelizou em seus últimos minutos, depositou sua fé em Jesus Cristo, sendo resgatado algumas horas mais tarde pelos botes salva-vidas.
Em relato, George Henry testemunhou ter sido a última alma salva pelo pastor Harper, tendo selado a sua morte morte o que tinha vivido em toda a sua vida, a paixão pelas almas perdidas. Informações e fonte “Evangelical Focus”.

sábado, 25 de novembro de 2017

Cantores gospel são “atacados” durante transmissão ao vivo. Assista!

O vídeo em que o apóstolo apóstolo Luiz Henrique faz um desabafo contra os cantores gospel, viralizou na web e acabou recebendo o apoio de uma legião de internautas, que se dizem inconformados com o mundo gospel.
No vídeo gravado a partir de uma participação do apóstolo aparentemente em uma rádio, ele chama os cantores de “Mercenários do mundo gospel”.
 
… Eles não tem a minima noção do que significa Jireh “Deus proverá”, vocês não tem, seus mercenários! Isso a qui é um vídeo pra vocês.
Vocês usam o nome de Jesus em vão, vocês vão pagar um auto preço. Vocês estão nos “altar” das igrejas, de pastores que não vigiam, ou ainda não tiveram discernimento de quem são vocês, Profissionais do ramo gospel! Mercenários! Fraudulentos! Usam o nome de Deus pra se locupletar!
Pegam canções que muitas vezes não são nem composições de vocês, e o que vocês pensam? Serem estourados.
E segue o desabafo do apóstolo. Assista:

 
 
 
 

quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Cantor gospel Kleber Lucas se apresenta em centro de Candomblé (Vídeo)

O cantor gospel Kleber Lucas, pastor da igreja Batista Soul, se apresentou junto com os Ogans de um Centro de Candomblé que havia sido incendiado e foi recentemente reconstruído com a ajuda de uma igreja evangélica.
Kleber Lucas sentou na mesa junto alguns religiosos, falou da alegria de poder participar do evento de inauguração, sem preconceito religioso, sem barreiras.
No fim, o cantor posou para fotos ao lado de uma mãe de santo e líderes de alta patente no Candomblé.

A atitude do cantor em ir se apresentar em um terreiro de Candomblé, religião que comumente é discriminada por evangélicos, está causando uma enorme repercussão dentro do cenário gospel.
Muitos cristãos conservadores estão criticando veementemente a atitude do cantor, enquanto outros o apoiam e celebram a sua atitude.
Kleber Lucas tem ido na contra-mão do sistema religioso, apesar de estar inserido nele. Por vezes tem levado padres para pregar em sua igreja, cantado música secular no altar também de sua igreja, fatos que tem mostrado atitudes atípicas de um pastor evangélico. com informações ofuxicogospel

Assista:

quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Dedé Santana fez uma revelação dizendo que Mussum se “entregou à Jesus” antes de morrer (Vídeo)

“Eu não fui como Paulo, um perseguidor [da Igreja], mas era um ‘debochador”. A confissão foi feita pelo humorista Manfried Sant’Anna em uma entrevista com o pastor Maurício Fragale. O conhecido Dedé Santana, dos Trapalhões, compartilhou momentos impactantes de sua vida, seu testemunho e como ele influenciou outras pessoas a se entregarem a Jesus, como ocorreu com seu falecido amigo, Antônio Carlos, o Mussum.
Dedé conta que sua conversão não ocorreu em um piscar de olhos. Foram precisos muitos sinais, fatos realmente sobrenaturais para que ele firmasse sua fé em Cristo.

“Eu debochava de crente… as coisas foram acontecendo devagar comigo”, contou.
O humorista Dedé santana conta que hoje olha para sua história e percebe os momentos em que Jesus usou pessoas para falar com ele.
“A primeira coisa que aconteceu comigo e foi impressionante, foi que eu estava fazendo show com os trapalhões lá em Cabo Frio. A gente ia de ônibus, todo mundo… nós ficamos lá uma semana e no penúltimo dia eu falei: ‘Vou de carro, porque eu quero voltar antes’. Se eu ficasse até o fim, teria que esperar todo mundo se decidir e eu tinha pressa de voltar”, explicou.
“Quando eu cheguei em Niterói, parei no semáforo ou sinal (cada um dá um nome) e bateram no meu vidro, eu tomei um susto. Era uma senhora com um cabelo comprido, segurando [o que parecia ser] uma agenda na mão. Ela batia no vidro e queria falar comigo. A gente fica meio preocupado, mas eu abri e ela falou: ‘este é presente para você”, acrescentou.
O que ele acreditava ser uma agenda, na verdade era uma Bíblia. Um presente precioso, que uma mulher desconhecida havia preparado para ele.
“Eu peguei aquela agenda e quando eu voltei do show, pensei: ‘engraçado, eu nunca tinha visto uma agenda com zíper. E quando eu abri o zíper para ver a agenda, não era uma agenda, era uma Bíblia e a coisa que me impressionou muito: a dedicatória foi toda feita para mim, com o meu nome. Eu achei aquilo uma coisa muito impressionante, mas ainda não levei aquilo muito a sério”, contou.
Posteriormente, Dedé foi acompanhar a inauguração da Praça dos Trapalhões, em Angola. Cerca de 60 mil pessoas esperavam o grupo de humoristas brasileiros no aeroporto. Mas um fato específico chamou sua atenção.
“Tinha uma única pessoa de terno, com uma gravata vermelha e uma Bíblia na mão. O pessoal se empurrava, ele caía e continuava falando: ‘irmão Dedé, Deus falou comigo, você precisa acreditar em mim, Jesus quer salvar você’. Eu entrei no ônibus e falei: ‘Mussum, aqui também tem aqueles malucos que falam: ‘Jesus te ama”, relatou.
Dedé conta que se entregou a Jesus oito anos depois daquela viagem a Angola e quando ele foi para a igreja pela primeira vez, Deus tinha preparado um encontro especial para aquele dia.
“Oito anos depois, eu me converti e fui pra Assembleia de Deus Madureira. Eu fui de terno, imagina no Rio, 40 graus. […] Eu entrei na igreja e fiquei lá atrás… sabe como é artista, vai acompanhando… O pessoal levantava, eu também levantava, o pessoal levantava a mão e eu levantava a mão”, disse.
“No final do culto, o pastor da igreja, Manoel Ferreira disse: ‘Temos um novo convertido, queria pedir que ele viesse aqui’. Eu nunca tremi tanto na minha vida”, contou. “Eu cheguei ali na beiradinha e o pastor disse: ‘pode subir, Dedé’ e eu nervoso, mas acabei subindo. Sabe como é a Assembleia de Deus… ficam uns 80 pastores lá atrás [risos]. No meio daqueles 80, tinha um único com a gravata vermelha, que gritou: ‘irmão Dedé, não falei que Jesus ia salvar você? Oito anos depois, era o mesmo cara que estava em Angola”.
A salvação de Mussum
Falando sobre seu reencontro com Renato Aragão (Didi), após sua conversão, Dedé Santana falou sobre os outros integrantes dos Trapalhões, que já haviam falecido, como Mussum e Zacaria e afirmou que o bem humorado sambista da Mangueira se entregou a Jesus antes de morrer.
“Graças a Deus o Mussum morreu salvo. Ele aceitou a Jesus já no leito [de morte]. Eu levei uma Bíblia para ele. Pouca gente sabe disso. Ele reconheceu: ‘Jesus é maravilhoso, Dedé’ e um dia depois ele faleceu”, contou. com informações gospelgeral
Assista o vídeo:

“Igrejas podem e devem pagar impostos”, diz João Doria ao vetar proposta de isenção de taxas

As igrejas podem e devem pagar impostos também, disse Doria Foto: Rafael Arbex/Estadão
Um projeto de lei que ampliava a isenção de impostos das igrejas na cidade de São Paulo foi vetado pelo prefeito João Doria (PSDB) e gerou grande polêmica, por conta das declarações relativas à questão feitas pelo pré-candidato à presidência da República.
Atualmente, a Constituição Federal de 1988 garante isenção tributária para as arrecadações que igrejas e outros grupos religiosos fazem através de doações (dízimos e ofertas, no caso dos evangélicos), e para o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) dos templos. Demais tributações e taxas incidem normalmente, assim como contribuições trabalhistas.

A Câmara Municipal de São Paulo havia aprovado o PL 555/15 (agora Lei 16.575/17) que adequa a cobrança de taxas do Imposto Sobre Serviços (ISS) para os serviços de streaming, como a Netflix e o Spotify. O vereador Eduardo Tuma (PSDB) havia inserido no texto uma emenda que definia a isenção de todas as taxas municipais para as igrejas.
Quando o projeto chegou ao gabinete de Doria, o prefeito decidiu vetar por considerar a proposta fora de contexto: “Não faz sentido. As igrejas podem e devem pagar impostos também. Nós precisamos ter critério na cidade e esse foi o objetivo do veto a esse tema. E as igrejas compreendem também, tanto as igrejas católicas quanto as evangélicas, todas elas. Eu não vejo nenhum tipo de conflito nessa relação e nessa interpretação”, afirmou.
De acordo com informações do jornal O Estado de S. Paulo, Doria disse que o assunto não havia incitado polêmicas: “Eu não vi pressão por parte das igrejas”, disse. “As igrejas têm se comportado de forma muito correta com a Prefeitura de São Paulo e a Prefeitura de São Paulo tem também tido um comportamento bastante correto”, prosseguiu.
A respeito da cobrança de ISS sobre a Netflix e o Spotify, Doria disse considerar “justo” que as empresas paguem as taxas como qualquer prestador de serviço: “Eu não vejo também por que razão serviços internacionais que ganham dinheiro aqui, no Brasil, possam estar isentos de pagamento dos seus impostos”, concluiu.
A cobrança se inicia em dezembro, e a Netflix garantiu que o preço da assinatura continuará o mesmo. Já as demais empresas de streaming ainda não se posicionaram publicamente sobre o impacto dos impostos no valor cobrado pelo serviço. com informações gospel

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

AGORA SOMOS UM "Chama atenção pelo número de pessoas que se rendem a Cristo" (Vídeo)

Na tarde de domingo, (19) jovens cristãos e simpatizantes do evangelho, se reuniram na praça Mármore Neto, (praça do boneco) para 8ª edição do projeto "AGORA SOMOS UM" com cânticos e louvores entoados, a afirmação da fé da juventude da cidade de Vitória da Conquista, vem se estabelecendo, resgatando a moral e a dignidade de jovens e adolescentes por meio dos princípios da palavra de Deus.

Testemunhos, libertação, cura e oração manifestam a força desta unidade construída na fé para um avivamento que tem dado esperança de perspectiva de dias melhores para uma geração de pessoas que tem sede de Deus. Durante o serviço de evangelismo, impactados pela palavra, almas que passavam no local entregavam suas vidas à Cristo, assim como parte dos convidados que compunham a reunião., fato que tem se tornado cada vez mais comum a cada realização deste projeto.

A palavra ministrada ficou por conta do jovem Elnatan Gomes, que falou da importância do "secreto com Deus", para uma caminhada segura na fé. Confira a matéria  no vídeo.

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Prefeitura obriga igreja a interromper projeto social que doava refeições a moradores de rua

Uma igreja que desenvolve há anos um projeto social junto a moradores de rua, oferecendo refeições quentes, foi notificada pela prefeitura local de que deverá interromper a iniciativa pois estaria incentivando moradores de rua a migrarem para a cidade.
A Igreja Metodista Unida na cidade de Malibu, Califórnia (EUA) foi procurada pelas autoridades municipais para interromper o trabalho de alimentação de moradores de rua que é realizado desde 2014, todas as quartas-feiras.

“Muito sucintamente, eles alegaram que estamos ‘aumentando o número de moradores de rua'”, afirmou Dawn Randall, um dos voluntários da Igreja Metodista Unida, em entrevista à CBS Los Angeles.
Atualmente, a denominação tem capacidade para atender 100 pessoas, com refeições preparadas no dia. “É um lugar seguro para nós”, disse Michah Johnson, um dos beneficiários do projeto social. “Todos são bem-vindos, e a comida é realmente boa. É caseira. E a TLC (serviço de assistência social) está envolvida nisso”, prosseguiu.
“A igreja é muito útil. Eles mantêm meu espírito elevado. Eles me fazem sentir mais responsável. Quando você é sem-teto, é muito fácil perambular por aí e ficar cansado”, acrescentou Johnson.
 
A primeira abordagem da prefeitura foi através de um e-mail enviado à igreja. Depois, durante uma reunião na última segunda-feira, 13 de novembro, a prefeitura “convidou” a denominação a interromper o projeto social na próxima quinta-feira, 23 de novembro, Dia de Ação de Graças.
“Eu creio que muitos deles buscam comida nas latas de lixo, quando não estão comendo conosco”, disse Kay Gabbard, que também trabalha com a Igreja Metodista Unida. “Não podemos fingir que [os moradores de rua] não existem em nossa cidade. Não podemos fingir que eles existe apenas fora de Malibu”, acrescentou.
A emissora de TV CBS Los Angeles procurou o prefeito de Malibu para obter uma declaração sobre o caso, mas a prefeitura não se pronunciou sobre a situação. com informações gospel+

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Pra te Amar (Lyric Vídeo)

A canção "Pra te Amar" de Simião Célio, agora está disponível em lyric vídeo, em seu canal no YouTube, com ilustrações românticas que vão fazer você imaginar e reviver momentos inesquecíveis com a pessoa amada. Sempre tocada nas emissoras de rádio de seguimento gospel, a canção "Pra te Amar" ganhou popularidade desde 2010, e já conquistou corações apaixonados em eventos como encontros de casais, serenatas e jantares a luz de velas. Faça uma homenagem, compartilhe esse vídeo com sua cara-metade, deixe que os versos ilustrados desta canção represente a mais pura expressão do seu coração para quem você ama!

Vídeo

Igreja evangélica doa R$ 11 mil para reconstrução de terreiro

Mãe de santo Conceição d`Lissá (Divulgação/Reprodução)
Representada pela pastora Lusmarina Campos Garcia, a igreja Luterana doou R$ 11 mil para a reforma do terreiro de candomblé Kwe Cejá Gbé de Nação Djeje Mahin, da mãe de santo Conceição d`Lissá, em Duque de Caxias, que foi destruído pela última vez em 2014 após ataques a fogo. Antes, bandidos da região já haviam disparados tiros contra o imóvel.
No próximo dia 22, às 10h, um café da manhã  no próprio terreiro irá marcar um encontro entre representantes das duas religiões. Na época dos ataques, a pastora chegou a iniciar um campanha entre os membros para a arrecadação de fundos. A ação foi retomada neste ano e o valor foi levantado.
Segundo o interlocutor da Comissão de Combate à intolerância Religiosa (CCIR), o babalawo Ivanir dos Santos, a polícia deveria ser mais rigorosa quanto aos crimes contra o terreiro, já que foram recorrentes. Sobre a doação, afirma que é a prova do amor ao próximo e do respeito à diferença. com informações, redação veja rio

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Estudo confirma que todos os seres humanos são descendentes de uma única mulher

Um estudo norte-americano liderado pela doutora Rebecca L. Cann e o Cientista Francis Collins, fez uma importante pesquisa sobre DNA mitocondrial, que é repassado de uma geração para outra pela parte feminina, e não pela parte masculina. Ela e sua equipe selecionam 147 pessoas do mundo todo, e descobriram que essas pessoas, que não tinham qualquer ligação sanguínea umas com as outras, tinham o mesmo DNA mitocondrial. Isso significa que todos vieram de uma mesma mulher.
Se baseando no DNA mitocondrial que, segundo consta em estudos é transmitido somente pela mãe, os cientistas conseguiram rastrear todos os seres humanos até uma só mulher, o que concluiu que todos os seres humanos descendem de uma única mulher, a chamada Eva mitocondrial.

Os evolucionistas(os que de certa forma ignoram as bases religiosas) não acreditam que a Eva mitocondrial era a única mulher da face da Terra, eles acreditam que ela foi a única mulher que produziu uma linhagem direta de descendentes até o presente dia, mas que em seu tempo existia outras mulheres.
Os criacionistas(os que acreditam que Deus é o criador de tudo e todos) se baseiam nessa descoberta científica para reforçar o que a Bíblia diz sobre a verdadeira história das origens, no livro de Gênesis 3:20: “Adão deu à sua mulher o nome de Eva, pois ela seria mãe de toda a humanidade.” com informações gospelgeral

domingo, 12 de novembro de 2017

Bíblia é queimada em exposição que faz apologia ao suicídio, no Paraná (vídeo)

Mais uma daquelas exposições de “arte” que fere os princípios da igreja o estado laico e o Brasil.
Quando isso vem de escolas notamos que a podridão esta tomando a mente de nossas crianças, é um acontecimento a trás do outro virou rotina atacar todo o povo cristão do país

Uma “exposição de arte” feita por alunos e sob supervisão dos professores do Colégio Estadual Dom Geraldo Fernandes, em Cambé, no Paraná, acabou gerando polêmica e revolta por mostrar páginas da Bíblia queimadas e rasgadas, misturadas em um tipo de colagem a manchetes de abusos por padres e pastores. A mostra também fazia apologia ao aborto e ao suicídio.
Segundo relatório do delegado Roberto Fernandes de Lima, a mãe de um dos alunos registrou queixa, após se sentir incomodada com a exposição.
O delegado considerou que o evento de fato tinha uma abordagem inadequada e garantiu que a direção da escola seria intimada a prestar depoimento nesta segunda-feira. Pais e alunos também serão ouvidos.

Entre as cenas um tanto “macabras” da exposição, bonecas (simbolizando crianças e bebês) são exibidas enforcadas, ao lado de com páginas da Bíblia rasgadas e manchetes de abusos sexuais cometidos por padres e pastores são coladas sobre uma Bíblia queimada, como é possível ver nas imagens divulgadas pelo Portal Cambé. Em outra parte, uma corda que seria usada para alguém se enforcar é colocada em meio a cartazes que dizem: “Solução para os seus problemas?” e “Solução para os seus defeitos?”.

Um grupo de pais também procurou a delegacia da cidade e registrou um boletim de ocorrência. A denúncia foi encaminhada ao Ministério Público.
“Estas cenas agridem qualquer ser humano e que busca a Palavra de Deus e tem esperança nela. […] A criança ali, na sua passagem pela escola, dentro do refeitório, isso é inconveniente. Eu queria perguntar para o nosso prefeito de Cambé, aos nossos governantes, o que está acontecendo dentro das nossas escolas. O que estão ensinando para as nossas crianças?”, desabafou Toni Eferson, pai de um dos alunos do Colégio Dom Geraldo.
O senador Magno Malta afirmou que a denúncia chegou à CPI dos Maus-Tratos a Crianças e Adolescentes — presidida por ele no Senado — e “imediatamente tomou providências acionando a Promotora de plantão para preservar as vítimas”.

“É um verdadeiro escárnio, um assinte à Família, às crianças e à lei, acima de tudo. Criminosos travestidos de professores ensinando às crianças como se suicidar, como fazer aborto. É uma coisa violentíssima contra os nossos filhos”, afirmou o senador, que também assegurou que os diretores da escola serão intimados a depor na CPI dos Maus-Tratos.
Com informações guiame/gospelgeral



sábado, 11 de novembro de 2017

4º Congresso de Missões AME tema: "Jesus Está Voltando, Prepare-se!"

Nos dias, 25 e 26 de novembro, a Assembleia de Deus Conquista em Cristo, estará em festa. É o 4º Congresso de Missões da AME (Agência de Missões Especiais), que trabalhando pelo social na cidade de Vitória da Conquista, como representante do "Reino", uma vez a cada ano realiza congressos, como forma de celebrar os feitos de Deus, por meio do trabalho de missões que a igreja realiza, serão dois dias de festa. 

A cantora Bruna Celeste de Planalto, e a dupla Arlindo & Gil, estão confirmados para este evento.
A palavra será ministrada pelo Pr. Marcos Rodrigues no sábado, e no domingo estará por conta do Conf. Ernane Souza, mais conhecido como cabeça de Bíblia, se você deseja receber uma palavra poderosa da parte de Deus, venha! Participe desta festa, entrada gratuita.

End.: Av. Filipinas, 503, B. Ipanema.
Igreja: Assembleia de Deus Conquista em Cristo.

Homem tenta esfaquear pastor no púlpito durante a ministração da palavra em uma igreja (vídeo)

O pastor que escapou de ser esfaqueado enquanto pregava no último domingo revelou que temeu pelo pior quando viu o rapaz que tentou assassina-lo se aproximar para desferir os golpes, e demonstrou alívio pelo livramento recebido.
O culto estava sendo transmitido ao vivo na página da igreja O Brasil Para Cristo em Tatuí, interior paulista, e a tentativa de assassinato foi filmada. O homem, detido pelos fiéis, foi levado pela polícia para a delegacia e, após assinar um termo circunstanciado, foi liberado.

O pastor que escapou da morte é Gétero Augusto de Campos. Em seu depoimento à Polícia, disse que o rapaz que tentou esfaqueá-lo declarou que estava irritado com um louvor e resolveu “testar se Deus era Deus”. “Ele disse que ouviu o louvor que canta que ‘se Deus fizer é Deus, e se não fizer, continua sendo Deus’ e ficou irritado porque a mãe dele continua cega. Então, ele alegou que resolveu me esfaquear para ver se Deus era Deus mesmo e quis testar. A ação dele assustou todo mundo. Foi só gritaria. Pânico total”, afirmou o pastor. “Na hora que ouvi a gritaria e virei, vi ele puxando algo da cintura. Eu pensei que fosse um revólver e fiquei com medo de morrer, sim. Foi então que os diáconos correram e eu comecei a clamar pelo sangue de Jesus. Aí o homem foi amolecendo e o braço dele foi caindo, até que conseguiram detê-lo”, acrescentou.
O pastor Campos revela que o rapaz realmente frequenta a igreja esporadicamente: “Conheço ele desde pequeno. Ele mora vizinho da igreja. Em 17 anos que sou pastor, essa foi a primeira vez que aconteceu isso comigo. Meu pai era pastor e já vi gente entrando na igreja e xingando, mas de invadir púlpito e com faca, não. Foi um susto muito grande para todos”, pontuou.
Ao final da entrevista, Campos admite que o susto foi grande, para todos: “Minha mulher ficou assustada e meu filho correu pra tentar conter o homem. Mas depois do que aconteceu, preguei a palavra que, por coincidência, era sobre como a Igreja deve ficar preparada para qualquer situação, já que vivemos em um mundo em que tudo pode acontecer”, concluiu.

Confira o vídeo do ataque:


sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Mais de 10 mil pessoas marcharam para Jesus na Semana da Cultura Evangélica em Vitória da Conquista

No dia em que Vitória da Conquista, comemora 177 anos de existência, (9 de Novembro) a cidade foi presenteada com aclamação pela unidade por parte de fiéis e simpatizantes cristãos, que fazendo jus ao tema da 13ª Semana da Cultura Evangélica "UMA CIDADE MAIS UNIDA", deixaram seus lares e foram às ruas marchar para Jesus. A programação contemplou também o público infantil que pode se divertir em companhia do seus familiares. A marcha que acontece uma vez a cada ano tem por idealizador o Pr. Orlando Filho, que compôs sua 13ª edição este ano, estima-se que o público foi de mais de 10 mil pessoas que fizeram o percurso da praça da Bíblia, seguindo em direção ao espaço de eventos Glauber Rocha, local onde ocorreu a concentração do público. As atrações da noite foram Lázaro e Nivea Soares.

Pr. Orlando Filho, concedendo entrevista a imprensa


Fotos e vídeo por Erick Levy

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Justiça concede indenização a empregado evangélico obrigado a ir a missa católica

O artigo 5º, inciso VI, da Constituição, assegura o livre exercício dos cultos religiosos, pois considera a liberdade de consciência e de crença inviolável. Assim, obrigar alguém a frequentar culto diverso da sua fé viola a Cnstrituição, dando ensejo à reparação moral.
Com este fundamento, a 2ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (Rio Grande do Sul) reformou sentença que havia negado indenização por danos morais a um ex-empregado da associação de assistência social da Arquidiocese de Porto Alegre. Motivo: ele é evangélico, mas era obrigado a assistir missas católicas. O colegiado arbitrou o valor da reparação em R$ 3 mil.

Convites para cultos
O trabalhador foi contratado como auxiliar de serviços gerais e exercia suas atividades na marcenaria da associação. Segundo ele, mesmo após informar ser evangélico, era convocado a se deslocar até a sede da instituição para assistir a celebrações religiosas em datas comemorativas da liturgia católica.
O empregado alegou se sentir humilhado e constrangido com a postura do empregador de impor sua presença em eventos de outra religião. Quando deixou de comparecer à missa de Natal, chegou a ser advertido formalmente.
De acordo com o empregador, no entanto, a participação nas missas não era obrigatória. Alguns eventos eram realizados na igreja, no horário de serviço, e os empregados que preferissem não ir podiam ficar nos seus locais de trabalho e continuar desempenhando suas funções. Segundo a associação, a advertência foi aplicada ao trabalhador por ele ter se negado a comparecer a um evento comemorativo de encerramento das atividades profissionais no final do ano e não ter ficado trabalhando.

Sentença improcedente
Ao julgar o caso, o juízo da 12ª Vara do Trabalho de Porto Alegre entendeu que não havia elementos nos autos que comprovassem, de forma inequívoca, a ocorrência dos fatos alegados na inicial. De acordo com o juiz Gustavo Jaques, o empregado não conseguiu provar que era obrigado a frequentar as missas ou que teria sofrido represálias por ter faltado a alguma. Além disso, não foi possível apurar as diferentes versões quando à permanência no local de trabalho. Assim, não ficou “evidenciado o dano alegado e não há falar em direito ao pagamento da indenização pretendida”.

Virada no TRT-4
Inconformado com a decisão, o trabalhador recorreu ao TRT-4. O relator do recurso, juiz convocado Carlos Henrique Selbach, deu razão ao empregado, sendo seguido pelos demais membros da turma julgadora. Segundo o magistrado, o documento que registra a aplicação da advertência comprova que a intenção do empregador era repreender o trabalhador por não ter comparecido à missa, pois sequer cita o abandono do local de trabalho.
De acordo com Selbach, ainda que a associação alegue que o autor foi advertido porque se negou a participar da confraternização e também porque não ficou trabalhando, o documento mostra  que a pena foi imposta porque o autor não atendeu a convocação de comparecer ao evento comemorativo de encerramento do ano. ‘‘Fosse o motivo da advertência o fato de o trabalhador ter se negado a participar do evento e a permanecer laborando, já que a missa ocorria durante o expediente, estaria assim registrado no documento’’, complementou no acórdão.
O relator entendeu que o trabalhador merecia a reparação pelo dano moral, já que a conduta do empregador viola a sua liberdade religiosa, um direito assegurado constitucionalmente. Destacou que a atitude do empregador não observa outro mandamento da Constituição, expresso no artigo 3º, inciso I, que “estabelece como objetivo fundamental da República Federativa do Brasil a construção de uma sociedade livre, sendo que a imposição de participar de evento da igreja católica caracteriza desrespeito àquele que possui crença diversa”. Com informações da Assessoria de Imprensa do TRT-4.

Fonte: Gospelgeral

Mateus Lopes abre show da Semana da Cultura Evangélica em Vitória da Conquista (vídeo)

O jovem compositor e cantor, Mateus Lopes, tem sido uma das recentes revelações da música gospel. No início do segundo semestre deste ano, lançou seu primeiro DVD  "Sou Livre" em parceria com o cantor David Quinlan. Na noite de ontem, (08 de novembro), abriu com louvores a 13ª Semana da Cultura Evangélica, no espaço Glauber Rocha em Vitória da Conquista.

Antes da sua apresentação, falou ao blog de sua alegria por estar participando pela primeira vez da semana da cultura evangélica como ministrante de louvor e que se sente realizado a cada dia pelo progresso do ministério que Deus o confiou, que tem percebido o retorno do seu trabalho através da gratidão das pessoas pelos lugares, por onde tem passado.

Assista ao vídeo e veja a matéria completa

Imagens de vídeo, por: Erick Levi




















quarta-feira, 8 de novembro de 2017

COLHEITA FINAL “Muitos pastores vão para o inferno”, alerta líder nigeriano

A Nigéria vive por um lado um crescimento da influência dos evangélicos e do outro as constantes ameaças de grupos muçulmanos como o Boko Haram, que ameaça matar todos os cristãos.
Alguns de pastores nigerianos parecer ter um gosto especial pela polêmica.  Alguns dias atrás, T.B. Joshua, da Igreja Sinagoga de Todas as Nações, enviou milhares de garrafas de água para curar pessoas infectadas pelo vírus Ebola.
 
Esta semana, o pastor Chris Oyakhilome, fundador e líder do ministério Embaixada de Cristo, deixou os evangélicos nigerianos chocados ao trazer uma “revelação” durante o culto.
Ao pregar uma mensagem intitulada “As lições de Ló”, pastor Chris afirmou aos fiéis:  “Muitos pastores vão para o inferno por não obedecerem a Deus. Alguns não são chamados por Deus, outros tem ministério por razões carnais, há quem esteja no ministério para servir somente a si mesmos”.
O pastor disse que seu país tem visto muitas igrejas dividirem e vários pastores deixam as igrejas onde estavam trabalhando para começar outro ministério por causa de fofocas, brigas, enganos ou pura inveja. Ele disparou “Você precisa aprender a obedecer a Deus em tudo. Eu não quero ver nenhum de vocês em tal situação. Decida obedecer a Deus em tudo “.
Oyakhilome acumula polêmicas na Nigéria, pois é milionário e ensina que todo crente verdadeira tem de ser rico, numa versão extrema da teologia da prosperidade. Afirma que todos os pecados cometidos depois da conversão afetam apenas o corpo e não a alma. Desencoraja que os membros de sua igreja busquem os médicos ressaltando que todos serão curados pela fé, incluindo portadores de HIV, o que já lhe rendeu problemas com o governo.
Suas declarações foram criticadas por líderes nigerianos. Eles lembraram que outras vezes o pastor Chris trouxe “revelações” em seus programas na TV que acabaram não se cumprindo. Com informações de Daily Post

terça-feira, 7 de novembro de 2017

Denzel Washington incentiva jovens a pregarem o Evangelho: "Eu oro por esta geração"

Denzel Washington revelou que, enquanto filmava o próximo filme, "Roman J. Israel, Esq.", Ele e o produtor e escritor Dan Gilroy oravam e liam a Bíblia todos os dias.
"Deus nos uniu", disse Washington, vencedor do Oscar de 62 anos, ao The Gospel Herald durante uma entrevista coletiva no hotel Beverly Wilshire, em Los Angeles, no sábado. "Nós oramos todos os dias, lemos o dia a dia todos os dias".
Ele acrescentou: "Dan e eu fomos parceiros de oração nesta colaboração inteira ... Estávamos na mesma página desde o primeiro dia. Sabemos para quem trabalhamos e estamos apenas tentando fazer nosso melhor trabalho".
Roman J. Israel, Esq. ", Também estrelado por atores Colin Farrell e Carmen Ejogo, segue um advogado de defesa idealista (Washington), cujas crenças profundas são abaladas quando uma série inesperada de eventos desafiam sua paixão por ajudar os pobres e privados de direitos.
"Ele é o Antigo Testamento, ele conhece a lei, mas, para não dizer que ele não tem fé, mas ele tem fé na lei", explicou Washington sobre seu personagem. "Sua convicção foi através da lei".
Enquanto o filme não é "baseado na fé", é cheio de temas bíblicos, incluindo sacrifícios, (o romano abandona a família, a fortuna e a reputação por causa de uma causa em que ele acredita firmemente), honra e fé em o invisível.
"Eu falo agora e estou fazendo o que Deus me disse para fazer desde o início", disse Washington a GH. "Foi profetizado que eu viajaria pelo mundo e pregaria a milhões de pessoas. Foi profetizado quando tinha 20 anos. Achei que era através do meu trabalho e foi".
"Minha mãe me disse quando tinha 59 anos, ela disse:" Denzel, você faz muito bem. Você tem que fazer o bem do jeito certo e você sabe do que estou falando ", continuou Washington. "Eu não bebo mais, eu não faço nenhuma dessas coisas. Eu sou toda sobre a mensagem, na medida em que eu conheço, e eu não tenho medo e sem medo de compartilhá-lo!"
Na era das mídias sociais, Washington disse que é fácil perder de vista as convicções de alguém, já que a sociedade é constantemente bombardeada com uma enorme quantidade de informações.
"Eu estava lendo sobre isso hoje em minha oração e meditação - é tão difícil confiar que Jesus morreu por nossos pecados porque a mente nunca desliga, especialmente neste mundo", disse ele. "Nós sabemos, sabemos, sabemos, mas esquecemos, momento a momento".
Ele exortou os jovens a se perguntarem: "Qual é o efeito longo, se não curto prazo, de muita informação?"
"Está acelerado agora, é nos esteróides, está se movendo tão rápido que é quase impossível manter-se", disse Washington sobre a era da mídia social. "O que acontece com a parte do cérebro que descobre as coisas? É melhor entender que somos adictos a isso", acrescentou, segurando um celular. "Não é culpa dele, é uma ampliação e um reflexo de nossa própria vontade".
Washington revelou que o pastor AR Bernard, pastor sênior do Centro Cultural Cristão no Brooklyn, Nova York, uma vez compartilhou com ele o capítulo 10 de Daniel da Bíblia, dizendo: "Deus coloca os líderes no lugar por um motivo e uma temporada".
"Há um motivo, talvez você não goste do que está acontecendo, mas o chefe tem um motivo", disse Washington, apontando para o céu.
Como o romano, Washington pediu aos milênios que se apegassem às suas convicções e compartilhassem a verdade do evangelho com um mundo de observação - não importa quão impopular.
"Rezo pela sua geração", disse ele. "Que oportunidade você tem! Não fique deprimido por isso porque temos que passar por isso, estamos aqui agora. Você não pode colocar esse assunto de volta na caixa".
O ator continuou dizendo que seu pai, que era pastor, uma vez "o abotoou" porque ele questionou as previsões de seu pai sobre o End Times.
"Cada geração, somos todos culpados, pensamos que vai acontecer quando estivermos aqui. Nós, como espécie, filhos de Deus, precisamos passar por isso". ele enfatizou. "Nós não sabemos onde estamos nele [o fim dos tempos]". Podemos pensar que temos 10 anos, mas podemos estar em um. Nenhum de nós sabe, mas estamos passando por isso. E você, Depois de nos ter desaparecido, teremos que passar. Então, pelo menos, esteja atento. "
Ele acrescentou: "Eu diria à sua geração - encontre uma maneira de trabalhar juntos, porque isso é um momento muito divisivo e irritado em que você está morando, infelizmente, porque não crescemos assim".
"Roman J. Israel, Esq." Chega aos cinemas em 22 de novembro. Para mais informações sobre "Roman J. Israel, Esq." A visita do filme website. 
com informações gospelherald


Jovem se converte ao Evangelho, confessa crimes de homicídio e se entrega à Polícia

O momento de conversão de um jovem de 18 anos se tornou, também, na hora de confissão de seus pecados, e ele admitiu crimes cometidos no passado que surpreenderam os frequentadores da congregação da Assembleia de Deus.
O jovem de 18 anos atendeu ao apelo de conversão durante o culto, na cidade de Carpina, região da Zona da Mata Norte em Pernambuco. Após a oração, afirmou que havia assassinado quatro pessoas e que estava arrependido.

De acordo com informações da Rádio Jornal, o jovem disse também que havia participado de outras duas tentativas de homicídio, a mando de um traficante da cidade conhecido pelo apelido de “Bola”. Os assassinatos teriam sido cometidos na cidade vizinha de Tracunhaém.
Conforme a conversa com os fiéis e o pastor da igreja evoluía, mais segredos eram admitidos pelo jovem novo convertido. Ele contou que guardava uma arma em casa e que estava tentado a matar sua companheira, mas não explicou o motivo que o havia levado a considerar essa hipótese.
Acolhido, ele recebeu orações dos fiéis, que o conscientizaram a respeito de sua situação perante a Justiça. Ele, consternado, pediu que a Polícia Militar fosse chamada pois ele desejava se entregar. Quando os policiais chegaram, o levaram para a delegacia da cidade de Nazaré da Mata, vizinha a Carpina.
 
Ao prestar depoimento, o novo convertido garantiu que irá contribuir com as investigações dos crimes e também com outras informações sobre o tráfico de drogas no local. O major Fábio Batista, subcomandante do 2º Batalhão da Polícia Militar (BPM), disse que “a fé do jovem ajudou a resgatar a sua própria vida”.
Agora, o novo convertido está sendo mantido preso até a realização de uma audiência de custódia, que deverá definir seu destino perante a Justiça, já que é provável que seus crimes tenham sido cometidos durante a menoridade penal. com informações gospel+

domingo, 5 de novembro de 2017

Massacre em igreja Batista deixa 26 mortos e cerca de 20 feridos

Um homem abriu fogo em uma igreja batista no Texas, nos EUA, neste domingo (5), e deixou 26 mortos e cerca de 20 feridos. O número foi anunciado pelo governador texano, Greg Abbott, em uma entrevista coletiva na noite deste domingo. Segundo Abbott, é o pior ataque a tiros da história do Texas.
Freeman Martin, do Departamento de Segurança Pública do Texas, afirmou que 23 pessoas foram mortas dentro da igreja, duas do lado de fora e uma na rota de fuga do atirador. A idade das vítimas vai de 5 a 72 anos, segundo as autoridades.
O comissário de polícia do condado de Wilson, no subúrbio da cidade de San Antonio, disse que o atirador foi perseguido até o condado vizinho de Guadalupe e morreu, mas não está claro se ele se matou ou se foi morto pelos policiais.
Também não se sabia se o atirador estava incluído no número de vítimas, afirmou o xerife Joe Tackitt. Ainda não há informações oficiais sobre a motivação do ataque.
O suspeito foi identificado como Devin P. Kelley, 26. Segundo o deputado texano Henry Cuellar, que representa o distrito onde está localizada a igreja, Kelley veio de Comal, condado ao norte de San Antonio.
Testemunhas afirmaram que o atirador entrou na Primeira Igreja Batista de Sutherland Springs por volta de 11h30 da manhã deste domingo (15h30 em Brasília). Segundo a polícia, o suspeito entrou na igreja armado com um rifle de assalto.
Uma vizinha da igreja contou ao jornal "San Antonio Express" que os disparos soaram como "alguém martelando um pedaço de madeira". Ela, que não quis se identificar, disse que ouviu uma rápida sequência de "pop-pop-pop", então uma pausa, e uma nova sucessão de "pop-pop-pop".
O padrão se repetia, mas ela conta que olhava para a igreja e não via atividade alguma. Minutos depois, chegaram os carros da polícia.
"Estou em choque", disse ela, que vive em Sutherland Springs por quase 20 anos e contou que a atmosfera da cidade sempre foi pacata e amigável. "É inacreditável."
Sutherland Springs, a 48 quilômetros de San Antonio, tinha cerca de 400 habitantes na época do Censo de 1990. Sites de imobiliárias locais estimam a população hoje em 643 pessoas. Um mapa da cidade mostra nove ruas e duas estradas que as cruzam.
"Tem um posto de gasolina e um correio. Isso é meio que tudo", descreveu Joseph Silva, 49, ao "New York Times". Ele disse que a polícia deu instruções para que não saísse de casa.
Uma moradora, Alena Berlanga, afirmou à Associated Press que todos se conhecem na pequena comunidade. "Isso é terrível para nossa cidadezinha. Todo mundo conhece alguém que foi afetado."
VÍTIMAS
Entre as vítimas está a filha de 14 anos do pastor da igreja batista, Frank Pomeroy, segundo a mãe da garota, Sherri Pomeroy, disse à rede CNN. O casal está em viagem fora do Estado.
Frequentadora da igreja batista, Amanda Mosel, 34, afirmou ao jornal "San Antonio Express" que sua afilhada de 13 anos foi morta no ataque. "Somos cerca de 50. É uma igreja bem pequena", disse ela, que não tinha ido ao templo neste domingo.
A porta-voz de um hospital de Floresville, a 16 quilômetros de Sutherland Springs, afirmou que ao menos dez pessoas deram entrada para tratar ferimentos por tiros.
REAÇÕES
O presidente americano, Donald Trump, que está em viagem ao Japão, prestou condolências às vítimas. "Que Deus esteja com as pessoas de Sutherland Springs. O FBI e a polícia estão na cena. Estou monitorando a situação do Japão."
"Nossas orações estão com todos aqueles machucados por este horrível ato", afirmou o governador do Texas, o republicano Greg Abbott.
A nova chacina reforça o debate sobre controle de armas nos EUA pouco mais de um mês após um atirador matar 58 pessoas e ferir mais de 500 em Las Vegas. Dia 1º, um homem matou três pessoas em uma loja no Colorado. com informações folha de São Paulo.