Translate

Compartilhe

https://www.facebook.com/deltan.dallagnol/videos/1384339188276453/

search este blog

  • Futuro Sorriso!

    Simião Célio posta vídeo para música Futuro Sorriso no YouTube

  • Reportando!

    6ª edição do AGORA SOMOS UM

  • Entrevista com Wallas Silva

    "Lutador de Muay Thai""

terça-feira, 31 de julho de 2018

Isidório chama Daniela Mercury de ‘escrava de Satanás’

O deputado Pastor Sargento Isidório (Avante) chamou a cantora Daniela Mercury de “endemoniada” e “escrava de Satanás”, após a artista protestar, no último dia 22, contra a decisão judicial que impediu a exibição do espetáculo teatral “O Evangelho segundo Jesus, Rainha do Céu”, protagonizado pela atriz transexual Renata Carvalho, no Centro Cultural de Garanhuns, em Pernambuco.

O discurso de Daniela foi feito durante seu show no Festival de Inverno da cidade pernambucana. Em outubro do ano passado, Isidório ingressou na Justiça para proibir a exibição da peça em Salvador.
“Respeite o povo de Deus, endemoniada. Escrava de Satanás. Cuidado com o que vai lhe acontecer. Horrenda coisa é cair nas mãos do Deus vivo. Cuidado, Daniela. Peça perdão”, afirmou o parlamentar, em vídeo postado em sua página no Facebook.

“Daniela, eu quero lhe dizer que, em respeito aos seus fãs, ao povo da Bahia, eu não vou dizer que escrota é você. Eu não vou chamar sua mãe de p*, como você xingou todas as mães, até porque eu acho que você que é, o seu comportamento. Eu não vou chamar você de rato, de nada disso, porque eu ainda acredito que um dia você será iluminada”, disse o deputado.

Em seu discurso, Daniela reclamou da ação de “políticos desse país” que buscam censurar obras de arte, sem nenhuma citação direta a Isidório. No final de sua fala, a cantora diz: “Vá policiar a p* que lhe pariu”. Em seguida, emenda versos de “Bichos Escrotos”, dos Titãs: “Bichos escrotos saiam dos esgotos/Bichos escrotos venham enfeitar/Meu lar/Meu jantar/Meu nobre paladar”.

“Você disse que você é gay, que você é viada, sim. Jesus lhe responderia sabe o quê? Se você quer, continue. Para você fazer sexo, você tem que introduzir borracha na vagina dos outros. Ou alguém com uma borracha na sua”, disse o deputado.
No vídeo postado, Isidório ainda diz que já foi “tudo isso: gay, planejei assalto, tudo que é desgraça”. “Mas quando eu conheci o Jesus criador dos céus e da terra, a minha vida foi transformada. Se você pensa que todo evangélico, todo cristão é covarde, é um engano seu. Eu estou aqui para lhe dizer: respeite o cristão, respeite o povo de Deus, respeite as imagens. Você nem para demônio serve, que você invocou eles. É sinal que você é apenas uma escrava”, acrescentou. Veja o vídeo abaixo:
Aliado do governador Rui Costa (PT), Isidório já conseguiu escapar, há dois anos, de representação feita pela bancada feminina da Assembleia Legislativa da Bahia ao Conselho de Ética da Casa, por quebra de decoro.
Na época, um dos motivos para a representação foi um vídeo no qual o deputado aparecia ao lado da mãe, tocava em sua genitália e dizia que nasceu porque “graças a Deus, ela não era sapatão”. informações bahia.ba

segunda-feira, 30 de julho de 2018

Leonardo Gonçalves diz que frenesi de fãs por artistas gospel “não é idolatria”

A idolatria é um tema espinhoso por sua complexidade e pela amplitude de práticas e sentimentos que podem ser motivados por esse pecado, de forma direta ou indireta, consciente ou inconsciente. A partir disso, o cantor e compositor Leonardo Gonçalves sublinhou que é preciso sempre manter o conceito bíblico em mente para evitar incorrer nesse erro.
O assunto foi abordado em uma entrevista recente concedida pelo cantor, durante a Expoevangélica 2018, realizada em Fortaleza (CE). “Acho engraçado esse conceito de idolatria. Vamos pegar o conceito bíblico de idolatria: é você colocar alguém no lugar de Deus. Aí muitas vezes com cantores evangélicos, o povo vê as pessoas gritando, assobiando para um cantor evangélico, isso é [considerado] idolatria. Então se colocassem Jesus ali naquele estaria certo, é isso? A mulherada gritando e assobiando para Jesus, pode ou não pode? Não faz sentido! Ou seja, não é idolatria”, opinou.

“Eu não estou dizendo que é certo, mas idolatria não é. Porque nem se fosse Jesus, um monte de mulher gritando, de gente se empurrando… não, entendeu? Então vamos entender: isso foi uma manifestação do ser humano”, acrescentou, em entrevista ao portal Guia-me.
O frenesi por artistas e a empolgação com um trabalho nessa área podem gerar reações e comportamentos inadequados, mas não necessariamente isso configura idolatria, de acordo com Leonardo Gonçalves, que admitiu nutrir admiração por outros artistas e que também gostaria de registrar um encontro com eles em uma foto ou autógrafo.
“Eu gosto de desconstruir as coisas, porque isso me ajuda a entender a humanidade das coisas. […] Um cantor que eu goste, que eu já ouvi por centenas de horas as músicas dele, que já me ajudaram em momentos difíceis, quando eu encontrar com esse cantor, vou ter um sentimento, porque ele não me conhece, mas ele já passou centenas de horas comigo, sendo a trilha sonora da minha vida. Então se eu tiver a oportunidade de falar com um cantor que eu goste, eu vou querer”, explicou Leonardo Gonçalves.

Cachês

Outro assunto que costuma levantar grandes polêmicas no meio evangélico e é sempre tratado como um tema indigesto pelos artistas é a cobrança de cachês para apresentações. Na entrevista, Leonardo Gonçalves comentou que o trabalho de produção musical demanda custos altíssimos, e sem os valores cobrados, o trabalho seria inviável.
“Eu propus uma coisa na minha vida: sempre que me fizerem uma pergunta de verdade, vou dar uma resposta de verdade. Sobre este assunto existem sempre dois lados, ou mais do que dois lados da mesma história”, disse, observando que muitas igrejas promovem suas programações em cima da presença dos “famosos”.
“Por exemplo, a pessoa que faz a minha agenda, o Tiago Grulha, que também é cantor… às vezes liga um ou outro para ele e questiona: ‘Ah! Como é que vai cobrar, vai pedir oferta? […] Mas não é para louvar?’ Aí tem duas abordagens que ele usa: ‘Ah! É para louvar? Então tem outros cantores aqui que cobram a metade. Chama ele’. Aí a igreja não quer. Por que será? Será por que as músicas de um cantor são mais conhecidas?”, questionou.
“Que diferença faz se a obra é do Espírito Santo? Se sou eu, o Fernandinho ou um cantor menos conhecido? Qual o interesse real por detrás?”, adicionou Leonardo Gonçalves. informações gospel+


Ton Carfi defende artistas seculares que gravam música gospel: “Como dizer não?”

Artistas seculares vem gravando músicas cristãs e para o cantor gospel Ton Carfi essa situação é positiva, pois amplia o alcance da mensagem que a letra dessas canções carregam.
Durante a Expoevangélica 2018, realizada em Fortaleza (CE), o artista afirmou que não compreende os irmãos na fé que criticam os compositores cristãos que liberam suas canções para serem gravadas por artistas que não estão ligados às igrejas.

“Eu não consigo entender o pensamento de algumas pessoas, que tentam impedir quem não pertence à religião cristã de louvar a Jesus”, afirmou Ton Carfi, em entrevista ao portal Guia-me.
O contexto da declaração envolve a parceria que o cantor fez com o artista secular MC Livinho na regravação da música Minha Vez. O contato entre os dois surgiu da época em que Carfi dava aulas de canto para o funkeiro paulista.
“Eu estou para lançar uma releitura da canção Minha Vez, na qual eu fiz uma parceria com o cantor MC Livinho, que para quem não sabe, foi meu aluno de canto. […] O mais interessante foi que ele me procurou e disse: ‘Ton, eu quero cantar uma música gospel com você. Por favor, vamos gravar esta música'”, revelou. “Diante de um pedido desse eu não tenho como dizer não. Como é que eu posso dizer não para uma pessoa que quer cantar uma música cristã, uma música que fala de Deus?”, questionou.

Para Ton Carfi, essa é uma oportunidade de fazer a mensagem da música cristã alcançar o público que não ouve esse tipo de canção: “Imagina só, quantas pessoas que não conhecem a Jesus vão ser alcançadas por essa canção Minha Vez na voz do Livinho? Muitas pessoas vão ser alcançadas. Então eu penso nisso, eu penso no Reino, eu penso nas vidas”, argumentou. informações gospel+

Em protesto pelo cancelamento de peça em Pernambuco, cantor diz que Jesus é travesti e “bicha” (Vídeo)

Após o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) determinar que a peça “O Evangelho Segundo Jesus, Rainha do Céu” voltasse para a programação do 28º Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), em Pernambuco, um Mandado de Segurança assinado pelo desembargador Roberto Maia suspendeu a exibição.
A polêmica gerada pelo cancelamento da peça revoltou alguns artistas, entre eles Daniela Mercury que se apresentou no FIG 2018 defendendo a exibição da obra teatral e criticando o que ela chama de “censura”.
O cantor Johnny Hooker foi além, tirando uma parte de seu show para criticar os conservadores, proferir palavrões contra os cristãos que se rebelaram contra a peça e ainda declarou: “Jessus é travesti sim, Jesus é bicha sim”, sendo seguido pelo público que começou a gritar: “hi, hi, hi, Jesus é travesti”. informações jmnoticias
Assista:

quinta-feira, 26 de julho de 2018

Policiais cantam tema do filme ‘Deus Não Está Morto’ e são ameaçados de processo por ateus (vídeo)

Um grupo de ateus ativistas está ameaçando processar um grupo de policiais cristãos que entrou em uma gincana de dublagem interpretando a música-tema do filme Deus Não Está Morto. Mas a crítica aos policiais fez com que o vídeo ganhasse ainda mais repercussão, gerando uma onda de manifestações favoráveis.
A iniciativa de Dean Winter, chefe do Departamento de Polícia da cidade de Crandall, Texas (EUA), de produzir um vídeo com a dublagem da música da banda cristã Newsboys, começou com a simples motivação de participar da gincana #LipSyncBattle, muito popular entre os policiais do país.

O capricho na produção do vídeo, com os policiais uniformizados (uma forma de identificar onde trabalham), gerou reações positivas de milhões de internautas, com o material sendo republicado em diversos canais. No entanto, os integrantes da entidade ateísta Freedom From Religion Foundation (FFRF) viram na brincadeira uma ação de proselitismo religioso.
Como o vídeo publicado originalmente na página do Departamento de Polícia de Crandall no Facebook se tornou viral, com oito milhões de visualizações, 225 mil compartilhamentos e 18 mil comentários, as críticas dos ativistas ateus serviram para impulsionar ainda mais o material.
“A FFRF está pedindo ao Departamento de Polícia de Crandall que se abstenha de promover a religião nas mídias sociais e retire seu vídeo em homenagem às crenças religiosas pessoais de alguns de seus oficiais”, dizia o comunicado publicado na forma de comentário na página do Facebook.

De acordo com informações do portal Faith Wire, Dean Winters não se intimidou com a sugestão de confronto feita pelo grupo ateu: “É claro que há sempre difamadores. Mas neste caso, um pouco de escuridão está fazendo a luz de Deus brilhar ainda mais”, disse ele em um e-mail para a Pure Flix, produtora do filme Deus Não Está Morto.
“Nossa comunidade se reuniu e postou fotos e vídeos em apoio ao clipe do departamento de polícia com a música God’s Not Dead. Também recebemos inúmeros e-mails e cartas de cidadãos e funcionários de todo o país e de pessoas de outros países, expressando sua gratidão aos funcionários de nosso departamento”, acrescentou o chefe de polícia.
Winters ressaltou que sua fé não interfere em sua capacidade de exercer sua função, mas sim, “aumenta” sua disposição para tocar a dura rotina como policial: “Minha fé em Jesus me dá forças para lidar com tantos aspectos diferentes da vida. Em primeiro lugar, no meu papel mais importante como marido e pai, mas também no meu papel como oficial e chefe de polícia”.
“Eu não acredito que a fé interfira na capacidade de servir, mas sim a aumenta […] Embora muitas vezes não seja falado, há muitos oficiais que são homens e mulheres de fé. É emocionante ver como Deus pegou algo tão simples e transformou-o em algo tão significativo em uma capacidade muito maior do que qualquer um de nós poderia imaginar”, acrescentou o policial, comentando a repercussão de sua iniciativa. com informações gospel+
Confira o clipe gravado pelos policiais de Crandall:

Justiça decide que peça com Jesus trans volte a ser exibida

Após ter sido cancelada pelo Governo do Estado de Pernambuco, a peça O Evangelho Segundo Jesus Cristo, Rainha do Céu, terá que voltar a ser exibida durante o Festival de Inverno de Garanhuns. A determinação foi do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), que deu um prazo de 24 horas para que ela volte à programação.
O governo estadual resolveu retirar o espetáculo da mostra no final de junho por causa de seu conteúdo, da “polêmica causada pela atração e da possibilidade de prejuízos das parcerias estratégicas e nobres que viabilizam o Festival”. O festival começou na sexta-feira (20) e vai até a próxima segunda-feira (29).

A decisão para que a peça volte em cartaz foi dada pelo desembargador Silvio Neves Baptista Filho. Ele aceitou um recurso do Ministério Público de Pernambuco (MPPE). O magistrado ainda estabeleceu uma multa de R$ 50 mil para o caso de a decisão ser descumprida.
Para o desembargador, “a atração nada mais é do que um drama teatral, que busca conscientizar e estimular a reflexão sobre a discriminação social de uma minoria, especialmente das transexuais e travestis”.
O Evangelho Segundo Jesus Cristo, Rainha do Céu traz Jesus como um personagem transexual e mostra como teria sido sua trajetória divina se tivesse essa identidade. Ela já foi alvo de proibição na cidade do Rio de Janeiro e em Jundiaí, no interior paulista. informações pleno.news

Descoberta arqueológica revela mosaicos com cenas da Bíblia dos 12 “espiões” de Moisés

Mais uma descoberta arqueológica está animando arqueólogos e estudiosos da Bíblia em várias partes do mundo. Se trata de mosaicos com datas de 1600 anos, localizados no interior de uma antiga sinagoga, em Israel, contendo cenas dos relatos bíblicos, incluindo os espiões enviados por Moisés para a terra de Canaã.
A descoberta foi realizada por pesquisadores da Universidade da Carolina do Norte (UNC) em Chapel Hill, nos Estados Unidos. Ela está situada precisamente na região da Galileia, terra onde Jesus Cristo passou parte da sua vida.

Para Jodi Magness, líder da equipe de pesquisa, a riqueza nos detalhes dos mosaicos, ainda preservados durante centenas de anos, pode “revolucionar” a compreensão que temos atualmente sobre a antiga cultura do povo judeu.
“O que é verdadeiramente surpreendente nestes painéis é a abundância de cor e as cenas humanas, o que vem revolucionar a compreensão do Judaísmo deste período”, disse ele, segundo informações divulgadas pela Universidade.

Além de algumas cenas narradas pela Bíblia, os mosaicos ilustram com precisão o momento quando os “espiões” enviados por Moisés cortaram um cacho de uvas que era tão grande e pesado que precisaram carregá-lo em conjunto, com auxílio de uma haste.
“A antiga Arte Judia é vista, muitas vezes, como sendo anicónica ou carente de imagens, mas estes mosaicos coloridos e cheios de cenas figuradas atestam uma cultura visual rica, bem como o dinamismo e a diversidade do Judaísmo nos finais dos períodos Romano e Bizantino”, disse Jodi Magness.

Magness é professor de Judaísmo Antigo no Departamento de Estudos Religiosos da Universidade da Carolina, e para ele a descoberta é surpreendente, pois revela “novas pistas” sobre os costumes do povo judeu na época.
“As descobertas indicam que os aldeões floresceram sob o domínio cristão do início do Século V, contradizendo uma visão generalizada de que os assentamentos judaicos na região declinaram”, acrescenta. informações gospel+


quarta-feira, 25 de julho de 2018

Autoproclamado profeta tenta ressuscitar homem sepultado há dois dias e gera revolta ao falhar (vídeo)

Um pastor na Etiópia tentou imitar Jesus ao ressuscitar Lázaro dizendo que poderia trazer um homem que estava morto há dois dias de volta à vida. Diante do insucesso, ele precisou da Polícia para escapar da fúria dos amigos e familiares do falecido.
Getayawukal Ayele afirma ser um profeta. Ele visitou uma família que estava de luto pela morte de seu ente, Belay Biftu, em um acidente de moto na última semana, em Limu, região de Wollega, na Etiópia Ocidental.

Já passavam dois dias que o homem havia sido sepultado, e de alguma forma, Getayawkal – cujo nome significa “Deus sabe” – aproximou-se da família enlutada e os convenceu a exumar o corpo para que ele repetisse as palavras de Jesus quando ressuscitou Lázaro.
A família, protestante, foi persuadida pelo pastor no momento de dor e concordou com a exumação. Uma multidão de familiares, amigos e curiosos foi acompanhar o ato. Após alguns voluntários escavarem a cova a mando do pastor, um pessoa identificada como Dinsa Debela, que trabalha para a igreja e estava por perto, tentou impedir que o caixão fosse aberto, dizendo que aquela situação era contra a doutrina da igreja.
Como não conseguiu convencer os familiares e amigos a respeito da situação, Debela saiu do local para não terminar agredido. Nesse meio tempo, o caixão foi aberto e o pastor desceu ao túmulo, gritando “Belay tenese!” (Belay, levante-se!). Por alguns instantes, o autoproclamado profeta insistiu, mas depois, dizendo que “não há nada que possa ser feito”, tentou sair do local, deixando o caixão aberto e o cadáver exposto.

A essa altura, as pessoas que assistiam em silêncio a toda situação, se irritaram e começaram a agredir o pastor, segundo relato de Dinsa Debela à BBC. A Polícia teve que intervir para resgatar o “profeta” do ataque da multidão, mas ele foi preso mais tarde. informações gospel+
As imagens, constrangedoras, podem ser conferidas no vídeo



Lua de sangue: fenômeno gera especulações e ‘profecias’; entenda como acontece

As luas de sangue são sinais? Ou são simplesmente obras das mãos de Deus?
Na próxima sexta-feira (27), o planeta Terra vai passar pelo mais longo eclipse lunar do século. Será 1h42 de fase total – quando o satélite ficará inteiro “escurinho” – acompanhado de um fenômeno chamado “Lua de sangue”. Esse fenômeno, que dá à Lua um tom avermelhado, é provocado pelos mesmos fatores que fazem o céu ser azul.
Alguns cristãos associam as tétrades (em número de quatro) de luas de sangue com eventos significativos na história judaica e afirmam que algo abalador acontecerá a Israel durante a atual tétrade, que ia de abril de 2014 até setembro de 2015
O que a ciência diz
No eclipse, Sol, Terra e Lua ficarão alinhados, e nosso planeta bloqueará a passagem dos raios solares até o satélite. A forma como as cores são “desviadas” ao passar pela atmosfera e a posição dos astros criarão o tom vermelho.
Para entender a “Lua de sangue” é importante saber como os raios solares se comportam na atmosfera. A luz solar é a soma de todas as cores. Quando essa luz chega na camada de ar da Terra, cada cor se espalha de uma forma. Vale lembrar da sequência de cores do arco-íris:
  • violeta
  • anil
  • azul
  • verde
  • amarelo
  • laranja
  • vermelho
Nessa escala, quanto mais perto do violeta, mais se espalha na atmosfera. Quanto mais perto do vermelho, menos se espalha.
“As cores da luz do Sol são afetadas de maneira diferente. A luz mais azul é muito mais afetada, mais espalhada à medida que vai passando”, explica Thiago Signorini Gonçalves, da Sociedade Astronômica Brasileira.
Por isso, quando estamos na Terra e olhamos para cima o céu é azul. A cor azul se “espalhou” por toda a atmosfera. A percepção dos nossos olhos também influencia. Temos mais facilidade para perceber o azul e o verde. Por isso, o céu é azul para nós. Nesse caso, tem a ver com a nossa fisiologia também.
Nesta sexta-feira, durante o eclipse, a lua de sangue acontecerá assim:
  1. A Terra vai bloquear os raios do Sol
  2. Alguns deles passarão pela atmosfera
  3. A cor azul se espalhará na camada de ar da Terra
  4. E os raios vermelhos, que se espalham menos, passarão
  5. A Lua refletirá então esses raios e ficará “de sangue”
    Na última sexta-feira (20), o G1 explicou que o eclipse lunar total vai ser o mais longo do século. O eclipse começa às 16h30, mas a Lua não terá nascido no Brasil ainda. A partir das 17h15 ela aparece no Recife, a capital brasileira com mais tempo para admirar a fase total, que termina às 18h13 minutos. A parcial, quando a Lua está só um pedaço coberta pela sombra, ocorre até 19h19 e poderá ser vista em todo o país.
    O que os teólogos dizem?
    A profecia bíblica certamente fala de uma lua de sangue. O profeta Joel teve uma visão sobre ela quando profetizou sobre “o grande e terrível Dia do Senhor”:
    Mostrarei prodígios no céu e na terra: sangue, fogo e colunas de fumaça. O sol se converterá em trevas, e a lua, em sangue, antes que venha o grande e terrível Dia do Senhor” (Jl 2.30-31).
    Mais tarde, Lucas citou Joel em Atos 2.20, e o apóstolo João usou a mesma profecia em Apocalipse: “O sol se tornou negro como saco de crina, a lua toda, como sangue” (Ap 6.12).
    Cada vez que a lua de sangue é mencionada, é em conjunção com outros eventos cósmicos que ocorrem simultaneamente. Portanto, se uma lua de sangue ocorreu, também deveremos esperar um sol escurecido e somente uma lua de sangue, não tétrades. Além do mais, cada escritor [bíblico] apontava para o mesmo acontecimento futuro.
    Defensores das profecias das luas de sangue afirmam que as tétrades apareceram durante importantes acontecimentos na história de Israel: a expulsão dos judeus da Espanha em 1492, a independência de Israel em 1948, e em 1967, durante a Guerra dos Seis Dias.
    Todavia, a primeira lua de sangue ocorreu em abril de 1949, depois que Israel já havia obtido sua independência, em maio de 1948. Semelhantemente, uma tétrade apareceu em 1493, um ano depois que o povo judeu foi expulso da Espanha. Se as luas de sangue fossem sinais, elas deveriam ter acontecido antes desses eventos. Mark Hitchcook, estudioso das profecias e da Bíblia, escreveu:

    Considere, por exemplo, que você esteja dirigindo por uma auto-estrada e vê um sinal de saída depois que você tiver passado por ele. Aquele sinal não será de grande serventia. [Da mesma forma], a tétrade da lua de sangue de 1493-1494 não pode ser um sinal daquilo que aconteceu em 1492. Isto simplesmente não se encaixa na definição de sinal.[1]
    Atribuir valor profético a essas luas de sangue é algo que atrai a nossa atenção, mas os eventos a que se referem são aleatórios.
    Alguns envolveram um problema sério, mas terminaram em alegria, como é o caso da independência de Israel e da Guerra dos Seis Dias, enquanto que outros terminaram somente em pesar, como é o caso da expulsão dos judeus da Espanha.
    Além disso, houve importantes eventos históricos envolvendo os judeus, tais como a destruição dos dois Templos e o Holocausto, que não foram acompanhados pelas luas de sangue.
    Por que não?
    Porque existe apenas uma “lua de sangue” bíblica, e ela brilhará em lugar de um Sol escurecido e de estrelas apagadas, quando o Senhor julgar este mundo. Até então, cada lua de sangue é um exemplo da majestosa obra das mãos de Deus. informações jmnoticias

terça-feira, 24 de julho de 2018

Bruna Marquezine “vai aos prantos” durante apresentação de cantor gospel em culto evangélico (vídeo)

A atriz Bruna Marquezine registrou alguns trechos de um culto evangélico que frequentou neste domingo (22).
Ela publicou alguns stories em sua conta no Instagram, cantando e adorando enquanto o cantor gospel Fernandinho se apresentava no palco. Tanto Marquezine, quanto o seu namorado, o jogador de futebol Neymar, se consideram evangélicos, e frequentemente são vistos em cultos ou eventos religiosos.
Eles também costumam se cercar de pastores ou cantores gospel, afim de obter aconselhamento espiritual e direção em decisões importantes em suas carreiras.
Na primeira fila, a atriz ficou pertinho de Fernandinho, e cantou as musicas, demonstrando que já as conhecia.
Em um dado momento, é possível ouvir que a atriz chora bastante enquanto canta a frase “Deus é bom pra mim”. informações fuxicogospel
Assista:

Suposto Demônio aparece em shopping de Caruaru e causa medo

Um vídeo com uma suposta aparição de um demônio no shopping Difusora em Caruaru, viralizou nas redes sociais e vem causando grande dúvidas sobre as pessoas que viu o vídeo. As imagens teriam sido gravadas por um segurança do centro de compras do shopping durante a madrugada.
O vídeo tem gerado grandes dúvidas para algumas pessoas, algumas diz que se trata de uma montagem e outras afirmam que não é montagem, entretanto a filmagem tem trazido divisão de opinião.
Nas filmagens feito pelo segurança, é possível ver uma menina que para alguns é um demônio, subindo para o outro andar pela escada rolante. Em seguida, o segurança corre para os pés da escada, mas nada aparece no vídeo com clareza.
Ao virar a câmera, o homem vê novamente a menina e sinaliza o vídeo gritando “ai meu Jesus, ai, ai, ai meu Deus”, o segurança entre em desespero ao ver uma menina subindo na escada rolante.

Em nota, a administração do shopping armou que está apurando o caso.

“Sobre o vídeo que está circulando nas redes sociais que mostra uma suposta assombração nas dependências do Shopping Difusora, a direção informa que o mesmo está sendo analisado pela equipe de segurança do Shopping. Assim como todas as imagens captadas pelo sistema interno de câmeras de segurança. Até que todo o material seja analisado, o Shopping Difusora não dará nenhuma outra declaração.” informações gospelgeral

“Fogo do céu” mata feiticeiros durante ritual de sacrifício de crianças em Uganda

O sacrifício de crianças ainda é uma prática comum em algumas tribos de Uganda, e um projeto missionário liderado por brasileiros relatou o caso de feiticeiros que foram queimados com fogo que “caiu do céu” enquanto se preparavam para o ritual.

O pastor e missionário Joel Engel lidera o Projeto Daniel, que evangeliza os países africanos e também oferece assistência humanitária. Durante uma das visitas a Uganda, ele se deparou com os relatos de tribos que ainda mantém as tradições ancestrais de sacrificar crianças.
De acordo com informações do portal Guia-me, Engel visitou a cidade de Kasese, na região oeste do país, onde fica o reino de Bahiira (Uganda é um país que reconhece as tribos e seus respectivos reis). Ao chegar ao local, ele e a equipe de missionários enfrentaram uma situação de tensão e reagiram através da oração.

“Quando eu peguei a palavra, eu percebi que estávamos cercados de feiticeiros. Eles estavam fazendo encantamentos contra nós. A sensação era que nós seríamos servidos no jantar [pelos canibais]”, disse Engel, que confrontou a prática de sacrifícios: “Eu estava indignado com aquilo. Se nós fossemos naquele lugar e não mudássemos nada, não adiantaria a gente ir”, destacou.

Durante a pregação, Engel sentiu-se encorajado a declarar o fim dos sacrifícios e a queda do rei tribal que cultivava a tradição: “Naquela ministração que fizemos, nós lançamos um decreto para que o rei matador de crianças fosse retirado e Deus colocasse alguém em seu lugar. Deus me mostrou que Seus filhos seriam reis naquele lugar”, relembrou.

Algumas semanas após os missionários deixarem a região, o presidente ugandense, Yoweri Museven, destituiu o rei tribal de Bahiira e ordenou sua prisão, além de dar posse a um novo rei.

Porém, o que deveria ser a marca de uma nova época sem rituais, revelou-se o contrário: os feiticeiros continuavam sacrificando crianças. Ao tomar conhecimento da situação, o missionário Joel Engel clamou a Deus e enviou uma mensagem aos ritualistas traduzida ao dialeto local, dizedo que fogo dos céus consumiria todos que tentassem sacrificar crianças.

Ao mesmo tempo, um grupo de intercessão da Força Global de Oração passou a orar pedindo a Deus que a prática fosse interrrompida. Na mesma semana, treze pessoas envolvidas com um ritual morreram queimadas, de acordo com o relato de um pastor local, identificado pelo pseudônimo Mangeni, por razões de segurança.

Segundo Mangeni, “caiu fogo dos céus” e os feiticeiros foram mortos antes que pudessem matar três crianças, que não sofreram nenhum ferimento. A repercussão do caso assustou o governo do país, que agora luta para manter a causa das mortes em sigilo. “O governo de Uganda aceitou o que aconteceu, mas eles disseram que têm que proteger a cultura de seu povo. Eles acreditam que a exibição de tais coisas na televisão e nas mídias sociais mostram a fraqueza do governo”, disse o pastor.

Mangeni também relatou que as pessoas que morreram eram autoridades locais que estavam diretamente envolvidas com rituais macabros de magia negra. Por essa implicação política, foi tomada a decisão de manter o caso em segredo: “As pessoas que morreram não são pessoas comuns, mas eram pessoas importantes. A polícia não pode dar um relatório dizendo que eles morreram por causa do fogo do céu, eles disseram que ainda estão investigando”, finalizou.

“As pessoas estão impactadas com o que aconteceu, muitas não querem falar sobre o assunto por causa das ameaças. Este acontecimento pode resultar em uma guerra interna, pois ainda existem pessoas que defendem estes rituais”, disse outra testemunha, identificada como Nakawa (nome fictício, por razões de segurança), que também destacou que o presidente ugandense é cristão e tem lutado contra os rituais de feitiçaria que envolvem sacrifícios humanos. informações Gospel +

segunda-feira, 23 de julho de 2018

Israel aprova Lei da Nacionalidade e se torna exclusivamente Estado Judeu em decisão histórica

Em todo o Oriente Médio, Israel é o único país que apesar de possuir uma identidade cultural e religiosa fortes, plenamente definidos e aliados ao poder governamental, respeita todas às religiões e individualidades, permitindo a existência de outras expressões religiosas e a liberdade de opinião em seu território.
Apesar disso, após a aprovação da Lei da Nacionalidade na última quinta-feira (19), tornando, na prática, o Estado exclusivamente judeu, várias críticas foram dirigidas ao país, que possui 18% da sua população de árabes, sendo a maioria muçulmana.

Entretanto, para o Ministro do Turismo, Yariv Levin, o reconhecimento de Israel como um Estado exclusivamente judeu é apenas uma consequência natural daquilo que o país sempre foi:
“Este é um dia histórico e um dia formativo: a lei da nacionalidade fortalece a identidade e a herança e todos os valores, seu direito de existir”, disse ele. “A Terra de Israel não é a pátria do povo judeu?”, questiona.
O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu destacou em um discursou no plenário do Knesset (parlamento) que o número de críticas, na verdade, não é por restrições à liberdade de outros povos, já que elas não irão existir, mas sim porque a intenção é eliminar a existência da identidade judaica no país.

“Este é um momento decisivo na história do sionismo e da história do Estado de Israel”, disse ele, ressaltando que “nos últimos anos existem aqueles que estão tentando minar o fato de sermos o Estado Judaico e assim minar os fundamentos de nossa existência”.
A nova Lei afirma que “o Estado atuará para reunir os judeus que estão no exílio e promoverá assentamentos judaicos em seu território, alocando recursos para esse fim”, sendo também instituído como símbolos oficiais do país  o hino Hatikva (que fala do retorno do povo a Israel), a bandeira branca e azul com a Estrela de Davi e o brasão com o menorá (candelabro de sete braços).
Além disso, a Lei também reconhece Jerusalém como sua única Capital, exclusiva e indivisível, o que contraria os interesses da comunidade palestina. Geográfica e politicamente Israel se firma como Estado Judeu, uma conquista histórica para um povo historicamente tão perseguido.  Com informações do Times of Israel e CaféTorah.


sexta-feira, 20 de julho de 2018

Aline Barros e Bruna Karla gravam entrevista e dueto no programa ‘Conversa com Bial’

O programa Conversa com Bial, da TV Globo, terá uma edição com as cantoras Aline Barros e Bruna Karla. A gravação da entrevista aconteceu na última terça-feira, 17 de julho, nos estúdios da emissora em São Paulo.
As cantoras compartilharam imagens dos bastidores da gravação em seus perfis nas redes sociais. Aline Barros informou que a edição será levada ao ar em breve: “Foi muito lindo o programa @conversacombial …vai ao ar dia 24/07”, escreveu.

Já Bruna Karla celebrou o encontro com o apresentador e a colega de ministério: Com minha amiga linda Aline Barros. Gravamos juntas o programa @conversacombial Benção d+! 🙏🏼😭🙌🏼❤️ Gloria a Deus”, afirmou.
Aline Barros e Bruna Karla concederam entrevista, interpretaram algumas de suas músicas e fizeram duetos, acompanhadas pelos músicos da banda oficial do programa. Todas as duas foram acompanhadas de seus maridos, Gilmar Santos e Bruno Santos, respectivamente.

Boteco do Ratinho

Um dia depois, Aline Barros estava nos estúdios do SBT, gravando participação no quadro Boteco do Ratinho, no programa do apresentador Carlos Massa. No Instagram, a artista fez um breve relato sobre o convite para a atração na emissora de Silvio Santos: “Senhor na nossa frente sempre”.
“Como um farol que brilha a noite, como ponte sobre as águas, como abrigo num deserto, como flecha que acerta o alvo, quero ser usado da maneira que te agrada em qualquer hora em qualquer lugar. Eis aqui a minha vida, usa-me Senhor!”, acrescentou Aline Barros, transcrevendo um trecho da canção Sonda-me, Usa-me. com informações gospel+


Valdemiro Santiago é criticado pelo padre Fábio de Melo e rebate: “nunca vi o senhor curar” (vídeo)

O apóstolo Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial do Poder de Deus, resolveu responder as críticas feitas contra ele pelo padre Fábio de Melo que teria questionado a oração com imposição de mãos e o fato da igreja estar sempre aberta.

Em sua resposta, Valdemiro não poupou críticas ao padre, mostrando biblicamente que a imposição de mãos é válida e declarando que na Igreja Católica não há milagres como acontece em sua igreja.
“O senhor me criticou duramente e estou respondendo aqui, eu nunca vi o senhor curar um leproso, um paralítico, cego, aleijado… aí o senhor diz que a imposição de mãos é heresias. Olhe na sua Bíblia”, afirmou ele citando os versículos de Marcos 16:15, 16, 17 e 18.

O pastor evangélico criticou vários dogmas dos católicos, como a crença em santos, o batismo de crianças e outros. “A igreja que o senhor acredita não é a do Evangelho de Jesus Cristo”.
Respondendo à crítica do padre sobre os pedidos constantes de ofertas, mais precisamente a entrega de envelopes para o pagamento de ofertas de R$ 300, Santiago alfinetou a Igreja Católica mais uma vez: “o senhor não precisa de envelope de R$ 300 porque o Governo dá emissora e programa de TV pra vocês de graça, para nós não”.

Zangado, o apóstolo declarou: “Cuide da sua vida, não cuide da minha vida não, vê se eu fico falando que você e seus amigos não se casam. A Bíblia diz que o bispo deve ter uma esposa. Para vocês o primeiro papa não foi Pedro? Pedro tinha uma sogra”. informações jmnoticia

Assista:

CNJ intima Favreto, Moro e Gebran sobre decisões de soltura e prisão de Lula

Nesta quinta-feira (19) o Conselho Nacional de Justiça  (CNJ) intimou  os desembargadores Rogério Favreto, João Pedro Gebran Neto e o juiz federal Sérgio Moro a prestarem informações sobre as decisões conflitantes envolvendo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O órgão deu 15 dias para que os magistrados se manifestarem sobre o caso. O prazo começa a contar a partir de 1º de agosto, por causa do recesso do Judiciário.
Foram oito reclamações que chegaram contra Favreto e duas contra Moro, todas elas  serão apensadas a uma investigação mais ampla sobre o caso. Da análise dos processos, pode ser aberto um Processo Administrativo Disciplinar (PAD) contra os magistrados, que, por sua vez, pode culminar em punição, desde advertência até aposentadoria compulsória.
As investigações acontecem pelas decisões judiciais emitidas pelos três magistrados no dia 8 julho quando o desembargador Rogerio Favreto atendeu a um pedido de liberdade feito por deputados do PT em favor de Lula.

Ao tomar conhecimento da decisão, o  juiz Sergio Moro e o desembargador do Tribunal Regional Federal da 4ª Região Gebran Neto, ambos relatores dos processos da Operação Lava Jato, derrubaram a decisão de Favreto por entenderam que o magistrado não tinha competência para decidir a questão.

Favreto, que foi filiado ao PT por quase 20 anos, emitiu nova decisão ordenando a soltura de Lula, no mesmo dia, porém,  o entendimento foi confirmado pelo presidente do TRF, Thompson Flores, declarando que Lula deve permanecer preso. com informações jmnoticias

quinta-feira, 19 de julho de 2018

Facebook bloqueia pastor Abílio Santana por protesto contra concurso de “Jesus gay” (vídeo)

Liberdade de expressão se tornou um conceito distante da realidade. Essa é a conclusão a que se chega ao ver o caso do pastor Abílio Santana, que teve sua conta no Facebook suspensa por 30 dias após fazer críticas a um concurso LGBT que quer eleger o “Jesus gay mais gostoso”.

O concurso é organizado por uma entidade LGBT nos Estados Unidos, e com a repercussão da informação, o pastor emitiu suas opiniões sobre o assunto e terminou censurado pela rede social comandada por Mark Zuckerberg e impedido de usar seu perfil temporariamente.

Abílio desabafou em um vídeo publicado no canal de Misael Santana, seu filho e também pastor. “Quem é que está por trás, monitorando as publicações?”, questionou o pastor, conhecido por seu temperamento forte.

“Estou simplesmente indignado. Eu fui acessar meu Facebook e acredite os senhores: estou bloqueado por 30 dias. Facebook me bloqueou porque eu fiz uma publicação […] Os homossexuais se reuniram e fizeram um concurso, ‘Jesus Cristo gay’, afrontando a nossa fé”, afirmou Abílio Santana. com informações cidadegospel

quarta-feira, 18 de julho de 2018

Pastores Ed René Kivitz e Caio Fábio manifestam apoio à candidatura de Marina Silva

A pré-candidata à presidência da República Marina Silva (Rede) recebeu apoio de um grupo de pastores evangélicos que se distanciam das bandeiras defendidas pelo grupo de parlamentares da bancada evangélica.
Na última sexta-feira, 13 de julho, Marina se reuniu com um grupo de pastores das igrejas Presbiteriana, Batista e Metodista, e fez um discurso em defesa do Estado laico. Todos os líderes religiosos presentes já a apoiaram em pleitos passados, quando a ex-senadora alcançou o terceiro lugar na disputa.

“Tenho a felicidade de ter o voto de evangélico, voto de católico, voto de espírita, voto de quem crê e voto de quem não crê. Porque eu me dirijo aos cidadãos brasileiros e respeitando a fé de cada um e, sobretudo, não negando também minha identidade”, afirmou Marina Silva, no encontro realizado no templo da Primeira Igreja Presbiteriana de São Paulo.

De acordo com informações do jornal O Estado de S. Paulo, os pontos do discurso de Marina Silva que mais foram aplaudidos pelos pastores foram a defesa do Estatuto do Desarmamento, o fim do foro privilegiado, mandato presidencial de cinco anos sem reeleição e a mudança para o voto distrital misto nas eleições parlamentares.
Seu principal articulista entre o grupo de pastores, Ed René Kivitz, pastor da Igreja Batista de Água Branca (IBAB), declarou que Marina Silva é a melhor alternativa contra Jair Bolsonaro (PSL) e o extremismo dos partidos de esquerda: “Ela é uma trégua para um país dividido”, disse Kivitz, que tem sido um dos conselheiros da ex-senadora.

Caio Fábio, da igreja Caminho da Graça, também declarou apoio a Marina Silva, embora não tenha estado presente no encontro. “Os que apoiam o Bolsonaro apoiam por razões simplistas, são pessoas profundamente homofóbicas. O pessoal que entende, pensa e escolhe sem fanatismo não é minion da Marina, são pessoas modestas e tranquilas, uma multidão enorme que vai crescer avassaladoramente nos próximos dois meses”, previu o reverendo. informações gospel+

Após 24 anos, Rayssa e Ravel anunciam fim da dupla

A conhecida dupla Rayssa e Ravel, que atualmente faz parte do cast da Graça Music, anunciou que ambos os cantores irão gravar um disco solo.

A dupla teve início nos anos 90 e nos anos 2000 foram indicados diversas vezes ao Troféu Talento, ganharam três vezes na categoria melhor dupla. Na discografia da dupla, mais de 30 CDs gravados. Ao longo da carreira Rayssa e Ravel colecionam quatro discos de ouro. (Além do Nosso Olhar, Apaixonando Você, Inesquecível e Mais Que Vencedores).

Recebidos na sede da Graça Music por Shirley Thomaz, executiva da gravadora, os cantores se dirigiram para a Sala de Reuniões, onde aconteceu o pronunciamento. A gestora da GMusic fez as honras da casa, falou da dupla e deu a notícia: “Após tantos anos ministrando juntos, agora, veremos cada um em sua individualidade musical”, disse Shirley.

Rayssa explicou. “Estão todos muito acostumados conosco como dupla, é normal. Mas, agora, eu vou poder fazer um trabalho com as coisas de que eu gosto mais. Sendo dupla, você precisa ceder, e isso vale para o Ravel também. Sempre entramos em acordo para tudo na dupla, mas cada um tem a sua preferência. Vai ser bênção, tenho certeza”, disse.

Ravel concordou. “Somos irmãos, todos sabem (algumas pessoas ainda acham que somos um casal. Não, gente, somos irmãos. De sangue e em Cristo – riu). Esse projeto será uma grande surpresa para todos, pois estão todos muito acostumados comigo como segunda voz. E, quando canto com Rayssa, nem sempre estou na minha região de voz mais confortável, pois preciso deixar a música boa para ela entrar como primeira voz. Agora, poderei cantar de maneira mais livre, mostrando até um pouco mais da minha voz para vocês”, falou.

Inicialmente, a produção da Rayssa será compartilhada, como aconteceu no CD de estreia da dupla na Graça Music. “Eu escolhi o Rogerinho [Rogério Vieira, produtor musical da gravadora], pois ele já trabalhou com a gente antes e me identifico com a sonoridade dele. Meu genro [Marcelo Rodriguez] fará apenas três das 12 faixas, são canções que, penso, têm ‘a cara’ dele, com essa pitada sertaneja mais atual”, contou. “Já estou adiantando o repertório, venho recebendo muitas canções… Estou ouvindo tudo… Quero que seja algo maravilhoso para o povo de Deus, sabe, que sejam músicas que toquem e transformem vidas de fato e de verdade”, disse.

Para o disco de Ravel, o produtor será, ao que tudo indica, de São Paulo. “Já estamos em negociação. Ouvi algumas músicas também, mas estou aguardando em Deus por aquelas que sejam “bíblias” pura, entende, que tenham mensagem do Céu. É com essas que me identifico”, falou. A agenda da dupla segue intensa nos próximos dias, quando darão uma pausa para se dedicar a essa nova empreitada. Para Shirley, o projeto deve estar pronto em breve. “Entre o final desse semestre e o primeiro trimestre de 2019, creio que já estejamos com ambos os discos à venda, tanto físico quanto digital”, finalizou.


Fonte: Fuxico Gospel e Graça Music

terça-feira, 17 de julho de 2018

Nova geração é mais aberta à fé do que as mais velhas, diz pesquisa

A geração Z é mais aberta a Deus do que as gerações mais velhas, de acordo com uma pesquisa da ComRes realizada no Reino Unido.
Mais da metade das pessoas entre 18 e 24 anos afirmam ter tido uma experiência positiva com o cristianismo, 62% se sentem à vontade para discutir suas crenças religiosas com as pessoas no trabalho e 33% frequentam os cultos da igreja.
Adultos entre 25 e 34 anos são mais propensos a dizer que frequentam a igreja (11%), em comparação com 10% das pessoas acima de 65 anos.
A pesquisa constatou que apenas 10% dos jovens concordam com a frase "a religião traz uma influência negativa na sociedade" e 44% tiveram uma experiência positiva com os cristãos e o cristianismo.
Enquanto isso, metade dos adultos britânicos (51%) discorda que os cristãos são uma força negativa na sociedade.
A pesquisa foi divulgada no mesmo período do lançamento do livro Faitheism, escrito pelo Dr. Krish Kandiah, que explora como a cooperação mútua entre cristãos e ateus é possível.
"Há oportunidades reais para pensarmos positiva e criativamente sobre o engajamento dessa nova geração", disse ele ao Christian Today. "Estou tentando mudar o debate e mostrar como podemos construir um terreno comum". com informações guiame

TSE deve decidir sobre possível candidatura de Lula ainda neste mês

O pedido feito por dois coordenadores do Movimento Brasil Livre (MBL) ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva seja declarado inelegível desde já, pode ser julgado durante o recesso da Corte, neste mês de julho.
Na ação, Kim Kataguiri e Rubens Nunes solicitam que, em decisão liminar, seja declarada “desde já a incontroversa inelegibilidade”, antes mesmo do prazo para registro das candidaturas, em 15 de agosto.
Lula está preso na superintendência da Polícia Federal (PF), em Curitiba (PR), condenado a 12 anos e um mês de prisão no caso do triplex no Guarujá (SP), pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), nos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. Por causa da condenação em segunda instância, ele foi enquadrado na lei da Ficha Limpa e sua candidatura dependerá da Corte Eleitoral.
Após sorteio no TSE, o caso foi parar nas mãos do ministro Admar Gonzaga mas, devido ao recesso, que vai até o próximo dia 31, a ação pode ser analisada pelos ministros plantonistas. Até o dia 20, Rosa Weber, vice-presidente do tribunal, é quem ocupa a função, sendo substituída pelo presidente do TSE em seguida. Eles podem decidir ainda aguardar o fim do recesso, a fim de que a questão seja analisada pelo relator.
De acordo com informações do portal G1, na ação, o MLB ainda pede a proibição do registro de candidatura, de atos de campanha e a citação do nome de Lula em pesquisas.
Os advogados do petista se pronunciaram sobre o assunto e afirmaram se tratar de um “questionamento precoce”, já que a candidatura depende ser formalizada em convenção partidária. Dizem também que a iniciativa é “meramente midiática” e que o o pedido é “um mal concebido manifesto político travestido de ação”.

Fonte: Notícias ao Minuto

Missionários driblam lei russa durante a Copa e distribuem milhares de materiais evangelísticos

A Copa do Mundo acabou no último domingo, 15 de julho, e o saldo das igrejas que se propuseram a evangelizar na Rússia foi positivo, apesar das leis que restringem a atividade religiosa fora dos templos.
Para tanto, as denominações precisaram driblar a “Lei Yarovaya”. A Missão Eurásia conseguiu distribuir milhares de folhetos evangelísticos e literaturas cristãs para as pessoas que foram aos jogos.

“No início, muitas igrejas estavam planejando fazer apenas as exibições das partidas dentro dos prédios e distribuir Bíblias para os visitantes, mas depois que viram o potencial impacto que poderiam ter, também começaram a fazer evangelismo de rua em suas cidades”, disse o presidente da Missão Eurasia, Sergey Rakhuba, ao portal The Christian Today.
“Os líderes das igrejas foram tão encorajados pelo impacto durante a Copa do Mundo que agora estão expandindo outras iniciativas ministeriais, para alcançar ainda mais pessoas em suas comunidades com o Evangelho”, acrescentou o missionário.
Sergey também compartilhou que a situação renovou as forças dos fiéis: “Estamos vendo mais energia e paixão pelo evangelismo entre as igrejas evangélicas da Rússia e elas estão aproveitando ao máximo a oportunidade que Deus proporcionou na Copa do Mundo”.

O trabalho missionário só foi possível graças à parceria que envolveu quase 400 igrejas em 50 cidades diferentes ao redor do país. Assim, a Missão Eurasia distribuiu mais de 500 mil folhetos nas exibições de partidas nas igrejas, evangelismo de rua e próximo aos estádios, durante os dias de jogos.
Até ontem, dia da final, a equipe de evangelistas distribuiu mais de 300 mil exemplares de uma edição especial do Evangelho de João, 200 mil Novos Testamentos em russo e 100 mil exemplares da revista Spark, editada pela Missão Eurasia em parceria com a ShareWord Global.
Ao todo, cerca de 10 mil pessoas assistiram partidas nas igrejas, com os telões disponibilizados nos templos. Agora, com o fim da Copa do Mundo, a meta é formar 1.800 novos grupos de estudo bíblico e realizar acampamentos esportivos para até 15 mil crianças em suas comunidades.
“Através de nossos esforços durante a Copa do Mundo, juntamente com as iniciativas de acompanhamento de nossas igrejas parceiras, estimamos que poderíamos alcançar até 3 milhões de pessoas através deste projeto de ministério estratégico”, comemorou Sergey.

Restrição

Nem tudo foram flores no evangelismo durante a Copa do Mundo, já que alguns dos voluntários da Missão Eurásia foram abordados por representantes do governo em cidades como Kaliningrado, Moscou e Yekaterinburg.
“Na maioria dos casos, eles ordenam que os estudantes parassem de distribuir as Escrituras, mas eles nem sempre cumpriam essas ordens”, revelou Sergey, demonstrando em parte a ousadia dos jovens evangelistas.
Como resultado, três equipes de estudantes foram detidas por ignorar os avisos das autoridades. Apesar dos sustos, os voluntários evangelistas foram libertados sem acusações formais, mas tiveram seus materiais confiscados.
“Apesar disso, estamos muito encorajados pelo trabalho que o Senhor está fazendo na Rússia durante a Copa do Mundo. Em geral, a reação que sentimos foi muito menos intensa do que esperávamos […] Percebemos o quanto o povo russo é aberto ao Evangelho e também ficamos encorajados por ver que algumas autoridades são mais fiéis às suas comunidades do que à Lei Yarovaya. Apesar das ordens, eles estão vendo o efeito positivo do Evangelho em suas cidades, e porque querem ver suas comunidades prosperando, às vezes estão dispostos a ignorar a lei em favor de uma vida melhor para seus amigos e familiares”, concluiu o presidente da Missão Eurásia. com informações gospel+

sexta-feira, 13 de julho de 2018

Igreja Batista construi 20 casas para dependentes químicos nos EUA

Comunidade Batista Crossroads, sediada em McCreary, Kentucky (Estados Unidos) construiu 20 casas para ajudar na recuperação de dependentes químicos.
O local onde as casas foram construídas é conhecido como uma das áreas mais pobres do país, onde o consumo de drogas é muito alto, afetando a população e causando um impacto social extremamente negativo.
Em entrevista ao The Christian Post, o pastor Grant Hasty explicou que 32% da população no município vive abaixo da linha de pobreza. Ele acredita que sem ter uma rede de apoio, muitas pessoas até tentam se recuperar, mas logo caem em recaída.
As casas servirão para pessoas que já passaram pelo processo de recuperação e agora tentarão recomeçar suas vidas. Desempregados poderão ter onde morar e assim conseguir emprego por apresentar uma residência fixa.
As casas foram construídas em um terreno comprado pela igreja e que não tinha sido utilizado até o momento. com informações jmnoticias

Mais de 28% dos evangélicos brasileiros consomem produtos eróticos, diz pesquisa

Segundo a Associação Brasileira de Empresas do Mercado Erótico (ABEME), 28,1% dos eventos brasileiros consomem produtos eróticos. O número é significativo e mostra um grande crescimento do mercado com este público. Em 2015, apenas 7% dos evangélicos utilizavam estes produtos.

A ABEME e a Intt Cosméticos criaram o “Guia Gospel para Sex Shops”, uma obra assinada por Paula Aguiar, João Ribeiro, Lídia Ribeiro, Thelma Regina e Leila Emília.
O livro, lançado em 2015, ensina os vendedores a trabalharem com o público evangélico, respeitando as crenças pessoais no que se refere à sexualidade. Entre os autores desse guia de vendas está o casal João e Lídia Ribeiro que são membros de uma igreja muito conservadora ao mesmo tempo que são empresários de um grande sex shop na Grande São Paulo.
O público evangélico também inspirou a Intt Cosméticos a criar uma linha exclusiva de produtos sensuais como gel comestível e óleo de massagem. Com embalagens discretas e nomes diferenciados, os produtos foram pensados em atrair casais religiosos.
Na pesquisa da ABEME, os evangélicos se destacam com mais de 11% na média dos consumidores de outras religiões que representam 17% dos clientes desse setor. com informações jmnoticia

Fernando Collor defende Lula: “Foi condenado sem provas”

O senador Fernando Collor (PTC-AL) manifestou, nesta quinta-feira (12), apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao afirmar que ele foi condenado sem provas. As declarações foram dadas durante uma entrevista à Rádio Guaíba, do Rio Grande do Sul.

Collor, que também já ocupou a Presidência da República, comentou a pena de Lula no processo do tríplex no Guarujá. Para ele, não há nada dizendo que o imóvel é de propriedade do petista, que sofre “enormes injustiças”.

– Todos sabem que eu não tenho procuração e sequer afinidade ideológica com o ex-presidente Lula em função do que eu vou dizer, mas eu entendo que vêm sendo cometida enormes injustiças em relação ao ex-presidente (…) Ele foi submetido a uma pena de nove anos de detenção sem ter sido concedido a ele o direito à resposta a uma pergunta: onde está o documento que prova que o apartamento do Guarujá é de minha propriedade ou de alguém de minha família? – destacou.
O parlamentar também defendeu que o ex-presidente Lula possa se manifestar como candidato nas eleições deste ano.
– Poderia ser dada a ele a oportunidade de receber um advogado que grave uma declaração sua e que essa declaração – destacou.
Fernando Collor apontou, porém, que a teoria do Partido dos Trabalhadores (PT) de que Lula é perseguido é uma “viagem na maionese”. com informações pleno.news

quinta-feira, 12 de julho de 2018

Casal é condenado por orar em vez de levar bebê ao médico

Os pais de um bebê recém-nascido, que ficou doente e morreu sem assistência médica, foram considerados culpados por um tribunal do Oregon, nos Estados Unidos. Na segunda-feira (9), o juiz os sentenciou a sete anos de prisão por homicídio, negligência e maus-tratos.
O advogado de defesa chegou a ler uma declaração por escrito na qual o casal se dizia arrependido de não ter prestado socorro ao bebê. É possível que a penalidade seja reduzida por bom comportamento.
Sarah Mitchell, de 25 anos, e seu marido, Travis Lee Mitchell, de 22, deixaram sua filhinha Gennifer morrer ao não levá-la para o médico porque preferiam apenas orar. O caso aconteceu no ano passado. Ambos são membros de uma pequena congregação ultrarreligiosa conhecida como Seguidores de Cristo, na qual os membros rejeitam a atenção médica e, em vez disso, acreditam na cura pela fé.
Não é a primeira vez que um membro da família deixa uma criança morrer. A irmã de Sarah, Shannon, e seu marido, Dale Hickman, deixaram seu filho recém-nascido morrer em 2009. Eles só conseguiram mantê-lo vivo por nove horas. Na época, eles também foram condenados.
ENTENDA O CASO
Sarah não sabia que estava grávida de gêmeos. Durante todo o processo de gravidez, ela não recorreu aos médicos nem fez pré-natal. No dia 5 de março de 2017, quando deu à luz naturalmente em casa, as duas meninas começaram a ter dificuldades respiratórias sérias. Ela e o marido avisaram a comunidade para que orassem a fim de salvar os gêmeos. Ninguém ligou para o 911 para solicitar uma ambulância.

O relatório da morte indicou que Gennifer morreu como resultado de “complicações porque era prematura”.
Inesperadamente, a morte de Gennifer causou a salvação de sua irmã gêmea, Evelyn. Depois de saber da morte da recém-nascida, as autoridades iniciaram uma investigação e decidiram visitar as condições da casa onde ela nasceu.
Um médico forense, observando que sua irmãzinha também tinha dificuldades para respirar, levou-a para um centro hospitalar onde salvaram sua vida. informações pleno.news

Promessas no G1: Mariana Valadão

Uma integrante da famosa família evangélica Valadão estará no Promessas no G1 nesta quinta-feira (12) às 19h, ao vivo.
Mariana Valadão falará sobre o início do seu ministério, a trajetória como cantora gospel, a badalada festa de casamento com 30 mil convites e o sonho realizado de ser mãe. Faça pergunta pelo Twitter com #PromessasnoG1.
Ela conta que sempre se interessou por música, mas sua maior vontade era formar uma família. A cantora se casou virgem aos 22 anos e hoje é mãe de três filhos. "Não nasci simplesmente para cantar", diz. (G1)

Lula é absolvido em processo sobre obstrução de Justiça

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi absolvido em um processo no qual era acusado de obstrução de Justiça. O responsável pela decisão foi o juiz da 10ª Vara da Justiça Federal em Brasília, Ricardo Leite.

A acusação é de 2016 e apontava que Lula havia atrapalhado as investigações da Lava Jato ao se envolver em um esquema para tentar comprar o silêncio do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró, um dos delatores da operação.

De acordo com a denúncia do Ministério Público Federal, Bernardo Cerveró, filho do ex-presidente da estatal, gravou o ex-senador Delcídio do Amaral prometendo auxílio financeiro de R$ 50 mil mensais para a família de Cerveró e honorários de R$ 4 milhões para o advogado Édson Ribeiro, que, na época, estava à frente da defesa.
Cerveró, então, não mencionaria Lula na delação premiada, assim como o pecuarista José Carlos Bumlai, o banqueiro André Esteves e os demais acusados.
O juiz Ricardo Leite, no entanto, considerou as provas insuficientes já que estavam baseadas somente em delações premiadas.
Além do ex-presidente da República, também foram absolvidos no mesmo processo o ex-senador Delcídio do Amaral, o ex-chefe de gabinete de Delcídio, Diogo Ferreira, André Esteves, Édson Ribeiro, José Carlos Bumlai e o filho dele, Maurício Bumlai.
Esta foi a primeira vez que Lula foi absolvido nos processos pelos quais responde. informações pleno.news

O Que Silas Malafaia Disse Sobre Suposta Expulsão De Mendigo Da Usa Igreja

Um vídeo começou a circular neste último fim de semana, onde aparece um suposto mendigo sendo arrastado por um segurança na calada da igreja Assembleia de Deu vitória em Cristo ( ADVEC Penha), liderado pelo pastor Silas Malafaia.
A narrativa do vídeo onde o suposto segurança da igreja de Silas Malafaia arrasta o homem  carente, seria de uma mulher, que atribui a ação da segurança do templo contra a pessoa, pois esta queria entrar para assistir o culto. 
Segundo ainda o vídeo o ato começou com apenas um  suposto empregado da igreja e terminando com quatro homens sobre o suposto andarilho.
O caso ganho repercussão nas midias sociais que alem de milhares de internautas comentarem o caso que acreditarão ser abusivo, o pastor Jackson Vilar fez uma live em sua pagina do facebook e condenou veementemente  o acontecido.
Mediante aos comentários e o próprio vídeo atribuir o fato a ADVEC Penha, Silas Malafaia, segundo a liderança da denominação fez um vídeo e postou em suas redes sociais.
De acordo com Malafaia o episódio aconteceu no último domingo (08) e el nem estava na igreja. " nossa igreja para mais de mil carros em volta, então nos contratamos Policiais Militares, porque tinha assalto a mão armada, roubo  de carro então acabamos com a festa".
A ordem que foi dada por Silas Malafaia aos Policiais que nenhuma pessoa com coisas , " bugigangas", que não se sabe o que que é pode entrar dentro da igreja. com informações ofuxicogospel
veja o vídeo