Translate

Compartilhe

https://www.facebook.com/deltan.dallagnol/videos/1384339188276453/

search este blog

quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

Brasil não fará bloqueio a viajantes vindos da China, diz secretário

O secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo, afirmou nesta quinta-feira (29) que, por enquanto, "não vai haver nenhum bloqueio em relação às pessoas que vêm da China" como forma de tentar conter o avanço da epidemia de coronavírus.

Segundo o representante do ministério, entram no país todos os dias, em média, 250 viajantes vindos da China — 15 mil nos meses de novembro e dezembro. 

"Os brasileiros devem pensar três vezes antes de marcar uma viagem para a China. Isso obviamente vai reduzir a quantidade de pessoas que irão retornar. Segundo, há uma expectativa de redução de chineses que entram no Brasil porque o próprio governo chinês também está fazendo essas recomendações."

Algumas províncias chinesas já restringiram a saída da população para evitar a disseminação do coronavírus.

O secretário de Vigilância em Saúde da pasta, Wanderson Kleber, acrescentou que a "Organização Mundial da Saúde pede que as medidas devam ser proporcionais e restritas aos riscos".

"Não vamos tomar nenhuma medida de exceção, ações que impliquem na decisão das pessoas, sem termos muita clareza da tomada dessas decisões."

Oliveira afirmou ainda que "não há evidencia alguma que a medida de temperatura na entrada do aeroporto seja efetiva para evitar a transmissão de doenças".

De qualquer forma, o governo está aumentando a comunicação e a orientação de passageiros para que as pessoas que estejam retornando da China procurem atendimento médico caso tenham febre e sintomas respiratórios. R7
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário