Translate

Compartilhe

https://www.facebook.com/deltan.dallagnol/videos/1384339188276453/

search este blog

quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Mãe se desespera ao ver “bebê fantasma” com filho no berço

Uma mãe de 32 anos levou um grande susto ao olhar, de madrugada, a babá eletrônica que monitorava seu filho. Maritza Cibuls, que estava deitada em seu quarto, viu no vídeo o que parecia ser um bebê fantasma ao lado de seu filho no berço.

O relato foi descrito por Maritza no Facebook e logo viralizou.

– Então, na noite passada eu estava certa de que tinha um bebê fantasma no berço com o meu filho. Fiquei com tanto medo que quase não dormi. Até tentei rastejar até lá com uma lanterna enquanto meu filho estava dormindo – contou a mulher.

Ao chegar no quarto da criança de madrugada, ela não viu nada além do filho dormindo. Apesar disso, continuava preocupada.
Bebê fantasma era, na verdade, a etiqueta do colchão
No entanto, o mistério do “bebê fantasma” foi solucionado na manhã seguinte e a história teve uma grande reviravolta.

– Nessa manhã eu fui investigar um pouco mais. Acontece que o meu marido esqueceu de colocar o protetor de colchão quando foi trocar o lençol. Eu poderia matá-lo – descreveu Maritza na rede social.

Até o momento, a publicação já teve mais de 515 mil curtidas, além de 311 mil compartilhamentos.
Ao site Buzzfeed News, Maritza que chegou a mandar uma foto da “assombração” para o marido. Ele tentou acalmá-la, afirmando que a mancha poderia ser apenas “baba” do filho.

Ainda descrente no que estava vendo e sem acreditar na justificativa do marido, Maritza publicou a imagem em um grupo de mães no Facebook. Na legenda da imagem, ela questionou se todos “estavam vendo um bebê também ou se ela estava ficando louca”.

No dia seguinte, a preocupada mãe percebeu que sua publicação tinha viralizado e muitos pediam para ela um desfecho da situação. Por esta razão, ela voltou ao quarto do filho para checar novamente a “aparição”.

– Assim que abri as cortinas era tão óbvio que havia algo embaixo do lençol. Eu puxei o tecido e vi um rosto gigante olhando para mim – declarou.

Acontece que o “bebê fantasma” não era nada além da etiqueta do colchão, que acabou ficando em evidência por causa da luz infravermelha da babá eletrônica.

– Eu mesma teria ido ao quarto com uma cruz e sal para benzer o ambiente – brincou uma mãe ao comentar a publicação. PN

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário