Translate

Compartilhe

https://www.facebook.com/deltan.dallagnol/videos/1384339188276453/

search este blog

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2019

Senado suspende sessão e não escolhe novo presidente

Após muita discussão, os senadores decidiram suspender a sessão para a escolha do novo presidente da Casa. Ficou marcado que os parlamentares irão se reunir novamente às 11h manhã deste sábado (2) para a votação, que deve ser comandada por José Maranhão (MDB-PB).

A confusão começou após o presidente da sessão, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), permitiu que a Casa debatesse se a votação para a presidência seria aberta ou fechada. Por 50 votos a 2, os parlamentares determinaram que a escolha será nominal e aberta. Após a determinação, no entanto, começou uma discussão que foi seguida de tumulto no plenário.

A polêmica aconteceu porque Davi Alcolumbre pode ser candidato à presidência da Casa, o que, de acordo com alguns senadores, o impediria de presidir a sessão. Ao decidir colocar para apreciação se a votação seria aberta ou fechada, ele estaria prejudicando Renan Calheiros, cogitado como o favorito para vencer a disputa.

Nem Alcolumbre e nem Calheros, no entanto, se inscreveram para disputar a presidência do Senado. O presidente da sessão chegou a ser questionado várias vezes sobre sua candidatura, mas não respondeu.

Uma das senadoras mais exaltadas foi Kátia Abreu (PDT-TO), que chegou a arrancar uma pasta das mãos de Alcolumbre durante as discussões. Ela não foi a única, no entanto. Outros parlamentares também discutiram durante a sessão. pleno.news

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário