Translate

Compartilhe

https://www.facebook.com/deltan.dallagnol/videos/1384339188276453/

search este blog

terça-feira, 7 de abril de 2020

Mandetta negocia com a China, no lugar de Ernesto Araújo

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, conversou por telefone nesta terça-feira com o embaixador da China no Brasil, Yang Wanming. Segundo o diplomata, os dois conversaram sobre cooperação bilateral e compartilhamento de experiências no combate à covid-19.

Em sua conta no Twitter, Yang comentou sobre a conversa, afirmando que ela foi em “prol do enfrentamento conjunto deste desafio global”.

A conversa ocorre um dia após Mandetta ter anunciado que pretende seguir no cargo de ministro, apesar da fritura promovida pelo presidente Jair Bolsonaro e seu círculo, que não escondem sua irritação com o protagonismo do titular da Saúde no enfrentamento da pandemia. A demissão de Mandetta chegou a ser anunciada por alguns jornais, mas o presidente acabou recuando após pressão da ala militar do governo.

Yang também coleciona conflitos com pessoas do círculo radical de Bolsonaro. Nesta semana, ele classificou como “racista” uma publicação do ministro da Educacão, Abraham Weintraub, que fazia troça do sotaque chinês e acusava a China de usar a pandemia para “dominar o mundo”. Antes disso, Yang também havia criticado mensagens similares de um dos filhos do presidente, o deputado Eduardo, que culpou a China pelo coronavírus.

ricardoantunes
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário